Agronegócio

Vietnã investiga alegações de evasão fiscal nas importações de açúcar da Tailândia

Reuters
Reuters
Vietnã investiga alegações de evasão fiscal nas importações de açúcar da Tailândia
Porção de açúcar em confeitaria

23 de setembro de 2021 - 08:46 - Atualizado em 23 de setembro de 2021 - 08:50

HANÓI (Reuters) – O Vietnã abriu uma investigação sobre alegações de que açúcar originário da Tailândia está sendo importado via países vizinhos para evitar impostos antidumping, informou Ministério do Comércio vietnamita.

Em junho, o Vietnã impôs uma taxa antidumping de 47,64% sobre alguns produtos de açúcar da Tailândia, um dos maiores exportadores de açúcar do mundo, por cinco anos.

A investigação ocorre após acusações de empresas locais de que produtos de açúcar estavam sendo importados do Laos, Camboja, Indonésia, Malásia e Mianmar sem que fossem originários desses países.

As importações de açúcar no Vietnã aumentaram cinco vezes, para 527.000 toneladas, de outubro de 2020 a junho deste ano, em comparação com o mesmo período do ano anterior, disse o Ministério do Comércio em um comunicado.

As importações da Tailândia, no entanto, caíram 38% no mesmo período.

“A indústria do açúcar forneceu evidências mostrando sinais de evasão das medidas comerciais do açúcar tailandês por meio dos cinco países mencionados acima, especialmente o salto repentino nas importações de açúcar”, acrescentou o comunicado.

O vice-ministro do Comércio da Tailândia, Sansern Samalapa, disse à Reuters que o ministério estava ciente da investigação do Vietnã, mas não falou se as alegações são verdadeiras.

Ele acrescentou que as autoridades tailandesas no Vietnã vão analisar as acusações.

(Reportagem adicional de Panarat Thepgumpanat em Bangcoc)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH8M0F7-BASEIMAGE