Agronegócio

Trigo recua em Chicago após rali causado por tempo frio nos EUA

Reuters
Reuters

17 de fevereiro de 2021 - 21:19 - Atualizado em 17 de fevereiro de 2021 - 21:20

Por Julie Ingwersen

CHICAGO (Reuters) – Os contratos futuros do trigo negociados em Chicago recuaram 2% nesta quarta-feira, afastando-se da máxima de duas semanas registrada no início da sessão, à medida que preocupações com os danos causados pelo tempo frio nas planícies dos Estados Unidos diminuíram, disseram analistas.

Os futuros do milho tiveram leve alta, se consolidando abaixo das máximas de vários anos estabelecidas na semana passada, e os futuros da soja terminaram o dia sem direção comum.

A valorização do dólar também influenciou os mercados, já que reduz a competitividade dos grãos norte-americanos nos mercados globais. O dólar subiu em meio a dados econômicos positivos e sinais de alta da inflação.

O contrato março do trigo fechou em queda de 13,50 centavos de dólar, a 6,44 dólares por bushel. O milho para março avançou 0,75 centavo, para 5,53 dólares o bushel, enquanto o vencimento março da soja recuou 1 centavo, a 13,8375 dólares/bushel, mantendo-se dentro do intervalo em que operou na terça-feira.

(Reportagem adicional de Gus Trompiz, em Paris, e Naveen Thukral, em Cingapura)

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.