Agronegócio

Sovecon eleva projeção para exportações de trigo da Rússia em 2020/21

Reuters
Reuters

25 de novembro de 2020 - 15:32 - Atualizado em 25 de novembro de 2020 - 15:35

MOSCOU (Reuters) – A consultoria agrícola Sovecon elevou nesta quarta-feira sua previsão para as exportações de trigo da Rússia em 2020/21 em 1 milhão de toneladas, para 40,8 milhões de toneladas, devido a uma estimativa maior para a safra e um ritmo forte de embarques.

A nova projeção fica apenas 100 mil toneladas abaixo das exportações recordes de trigo que a Rússia, uma das maiores fornecedoras globais do cereal, registrou no ano comercial de 2017/18.

A Sovecon também reduziu suas projeções para os embarques de cevada e milho do país em 2020/21 em 300 mil toneladas, para 4,9 milhões de toneladas e 3,9 milhões de toneladas, respectivamente, disse a consultoria em nota, acrescentando que agora vê as exportações totais de grãos em 51,2 milhões de toneladas.

As estimativas atualizadas para o trigo consideram que a Rússia vai impor uma cota para as exportações de grãos, conforme proposto pelo Ministério da Agricultura local, e não introduzirá uma taxa de exportação do cereal sugerida por alguns consumidores domésticos, afirmou a Sovecon.

A consultoria elevou ainda sua perspectiva para a safra de trigo da Rússia em 900 mil toneladas, para 85,3 milhões de toneladas, e espera que os operadores acelerem os embarques nos próximos meses, antes que a cota –planejada para vigorar entre 25 de fevereiro e 30 de junho– seja imposta.

(Reportagem de Polina Devitt)

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.