Agronegócio

Safra e exportações de grãos da Ucrânia devem avançar em 21/22, dizem operadores

Reuters
Reuters

29 de abril de 2021 - 14:58 - Atualizado em 29 de abril de 2021 - 15:00

KIEV (Reuters) – A Ucrânia deverá registrar uma alta de 9,5% em sua safra de trigo em 2021, a 27,7 milhões de toneladas, o que pode permitir que o país amplie as exportações do cereal para 21 milhões de toneladas na temporada 2021/22 (julho a junho), disse a associação de operadores UGA nesta quinta-feira.

A entidade afirmou que a Ucrânia também pode produzir 35,5 milhões de toneladas e 8,2 milhões de toneladas de cevada. Os embarques de milho poderiam atingir 30 milhões de toneladas na próxima temporada, enquanto as vendas externas de cevada alcançariam 4,2 milhões de toneladas.

A Ucrânia deve exportar até 17,5 milhões de toneladas de trigo, até 24 milhões de toneladas de milho e cerca de 4 milhões de toneladas de cevada em 2020/21, segundo estimativas do governo e de traders.

O governo ucraniano vê a safra de trigo 2021 do país em 29,5 milhões de toneladas, a de milho em 33,2 milhões e a de cevada em 9,2 milhões de toneladas.

A UGA disse ainda que os produtores ucranianos poderão ampliar a colheita local de soja para 3,11 milhões de toneladas neste ano, versus 2,75 milhões em 2020. As exportações foram projetadas em 1,6 milhão de toneladas, ante 1,35 milhão no ano anterior.

Já a safra de canola deve diminuir de 2,55 milhões de toneladas em 2020 para 2,5 milhões de toneladas em 2021, enquanto as exportações atingiriam 2,25 milhões de toneladas, ante 2,4 milhões no ano passado, disseram os operadores.

(Reportagem de Pavel Polityuk)

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.