Agronegócio

Ritmo de embarques de soja do Brasil cai quase 80% até 2ª semana de fevereiro

Reuters
Reuters

17 de fevereiro de 2021 - 15:38 - Atualizado em 17 de fevereiro de 2021 - 15:40

SÃO PAULO (Reuters) – A média diária de embarques de soja do Brasil até a segunda semana de fevereiro atingiu 55,09 mil toneladas, forte queda de 79,5% em relação ao ritmo de exportações visto no mesmo mês do ano passado, mostraram dados do governo federal nesta quarta-feira, em meio a um atraso na colheita da safra 2020/21.

Com isso, as vendas externas de soja do país, maior produtor e exportador global do grão, alcançaram 550,9 mil toneladas no acumulado de fevereiro. Até a primeira semana do mês, a Secretaria de Comércio Exterior (Secex) não havia registrado embarques da oleaginosa.

Além de uma seca no início da temporada que atrasou o plantio, a colheita foi afetada por chuvas em diversas regiões produtoras que limitaram o acesso às lavouras.

Apesar do ritmo lento dos trabalhos de colheita e, consequentemente, das exportações, o setor privado prevê embarques entre 6 milhões e 7,63 milhões de toneladas para fevereiro, conforme estimativa da Associação Nacional dos Exportadores de Cereais (Anec).

(Por Nayara Figueiredo)

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.