Agronegócio

Preços do petróleo se recuperam com robustez de dados econômicos

Reuters
Reuters

6 de abril de 2021 - 15:44 - Atualizado em 6 de abril de 2021 - 15:45

Por Bozorgmehr Sharafedin

LONDRES (Reuters) – Os preços do petróleo subiam nesta terça-feira, apoiados em fortes dados econômicos da China e dos Estados Unidos, recuperando parte das perdas da sessão anterior, causadas pela oferta em alta da Opep+ e pelo crescimento dos casos de Covid-19 na Índia e partes da Europa.

O petróleo Brent subia 0,76 dólar, ou 1,22%, a 62,91 dólares por barril, às 8:07 (horário de Brasília). O petróleo dos Estados Unidos avançava 0,86 dólar, ou 1,47%, a 59,51 dólares por barril.

Ambos os contratos haviam recuado cerca de 3 dólares na segunda-feira.

Mortes relacionadas ao coronavírus ultrapassaram a marca de 3 milhões ao redor do mundo nesta terça-feira, segundo contagem da Reuters, com uma nova onda global de infecções desafiando esforços de vacinação pelo mundo.

“A situação atual é fragil, logo uma revisita às máximas recentes (nos preços do petróleo) não é iminente”, disse Tamas Varga, analista da PVM.

“Até que tenhamos sinais palpáveis de queda nas taxas de infecção, o mercado de petróleo deve seguir violento e agitado.”

O sentimento do mercado teve uma melhora com dados de março mostrando que as atividades de serviços nos Estados Unidos tiveram um aumento recorde. Na China, o setor de serviços também ganhou força, com o maior aumento nas vendas em três meses.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.