Agronegócio

Preços do petróleo caem com aumento de estoques nos EUA e preocupações com pandemia

Reuters
Reuters

22 de abril de 2021 - 15:22 - Atualizado em 22 de abril de 2021 - 15:25

Por Julia Payne

LONDRES (Reuters) – Os preços de petróleo recuavam nesta quinta-feira, ampliando as perdas para a terceira sessão seguida, em meio a um aumento inesperado dos estoques nos Estados Unidos e com um salto nos casos de Covid-19 na Índia e no Japão, que geraram preocupações quanto à recuperação da demanda.

O petróleo Brent recuava 0,4 dólar, ou 0,61%, a 64,92 dólares por barril, às 8:20 (horário de Brasília). O petróleo dos Estados Unidos caía 0,32 dólar, ou 0,52%, a 61,03 dólares por barril.

Os estoques de petróleo nos EUA avançaram em 594 mil barris na semana encerrada em 16 de abril, segundo dados da Administração de Informação de Energia (AIE) na quarta-feira, o que surpreendeu analistas que esperavam queda de 3 milhões de barris, de acordo com pesquisa da Reuters.

“Um inesperado e grande aumento nos estoques nos EUA impulsionaram preocupações com a fraqueza da demanda”, disse Satoru Yoshida, analista da Rakuten Securities.

“O que está abalando o sentimento do mercado é também o fato de que a pandemia de Covid-19 está se espalhando de novo em ritmo rápido na Índia e no Japão, apesar de esperanças de que a vacinação fosse melhorar a situação.”

A Índia, terceira maior consumidora de petróleo do mundo, registrou nesta quinta-feira o maior número global em novos casos de coronavírus até o momento, de 314.835.

O Japão, quarto maior importador, deve anunciar uma terceira onda de “lockdowns” afetando Tóquio e outras três localidades, segundo notícias na mídia.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.