Agronegócio

Preços do petróleo ampliam perdas com casos de Covid gerando temor sobre demanda

Reuters
Reuters

30 de setembro de 2020 - 08:46 - Atualizado em 30 de setembro de 2020 - 08:50

Por Aaron Sheldrick e Dmitry Zhdannikov

TÓQUIO/LONDRES (Reuters) – Os preços do petróleo recuavam pelo segundo dia consecutivo nesta quarta-feira, com o crescimento nos casos de coronavírus gerando preocupações sobre novas medidas restritivas que poderiam impactar a economia global e a demanda por combustíveis.

O petróleo Brent recuava 0,63 dólar, ou 1,54%, a 40,4 dólares por barril, às 8:43 (horário de Brasília). O petróleo dos Estados Unidos caía 0,3 dólar, ou 0,76%, a 38,99 dólares por barril.

Ambos os contratos de referência haviam recuado mais de 3% na terça-feira, com as mortes globais de Covid-19 ultrapassando a marca de 1 milhão.

“O crescente número de casos de Covid-19 continua a acionar sinais de alerta sobre a demanda por energia” disse Avtar Sandu, gerente de commodities da Philip Futures.

“Preocupações com a estagnação da demanda e o retorno das exportações da Líbia continuaram a pressionar os preços do petróleo”, disse Norbert Rucker, do Julius Baer.