Agronegócio

Mercado global de petróleo tem déficit de 1 mi bpd, diz Novak, da Rússia

Reuters
Reuters

26 de maio de 2021 - 09:44 - Atualizado em 26 de maio de 2021 - 09:45

Por Olesya Astakhova

TORZHOK, Rússia (Reuters) – O mercado global de petróleo está no momento com um déficit de cerca de 1 milhão de barris por dia (bpd), disse nesta quarta-feira o vice-primeiro ministro da Rússia, Alexander Novak, dias antes de um esperado encontro dos principais negociadores da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep).

A Opep e seus aliados, incluindo a Rússia, que juntos formam o grupo conhecido como Opep+, têm planos de elevar em 2,1 milhões de bpd sua produção de petróleo até julho, reduzindo seus cortes de oferta para 5,8 milhões de bpd. A próxima reunião está agendada para 1° de junho.

Qualquer aumento na produção do Irã, caso negociações indiretas entre os governos do país e dos Estados Unidos levem à retirada de sanções, poderia potencialmente acrescentar de 1 milhão a 2 milhões de bpd ao aumento gradual de produção da Opep, segundo estimativas de analistas.

“Nós temos sempre tivemos no radar um retorno dos barris do Irã”, disse Novak a jornalistas nesta quarta-feira. “Nós precisamos considerar isso… nós vamos calcular conjuntamente o equilíbrio (entre oferta e demanda).”

O porta-voz do governo iraniano, Ali Rabiei, disse estar otimista sobre um acordo em breve, embora o principal negociador do Irã tenha sido antes que ainda há questões importantes a serem resolvidas.

Os preços do petróleo operavam quase estáveis nesta quarta-feira, pouco acima dos 68 dólares por barril, depois de terem caído abaixo de 65 dólares na semana passada devido à possibilidade de retorno do Irã ao mercado.

((Tradução Redação São Paulo, 55 11 5644 7519)) REUTERS LC

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.