Agronegócio

Maior produtor de soja global, Brasil aumentará plantio pelo 15º ano, diz Datagro

Serão cerca de 144,06 milhões de toneladas de soja produzidas na próxima safra

Reuters
Reuters
Maior produtor de soja global, Brasil aumentará plantio pelo 15º ano, diz Datagro
Carregamento de soja

30 de julho de 2021 - 10:55 - Atualizado em 30 de julho de 2021 - 11:12

SÃO PAULO (Reuters) – Impulsionados pela forte demanda, os produtores brasileiros estão preparados para expandir sua área de soja pelo 15º ano consecutivo, mostrou pesquisa da consultoria Datagro nesta sexta-feira.

A área plantada com soja no maior produtor e exportador mundial deverá aumentar em 4%, para 40,57 milhões de hectares no ciclo 2021/2022, disse a Datagro.

O Brasil produzirá cerca de 144,06 milhões de toneladas de soja na próxima safra, que os agricultores começarão a plantar por volta de setembro, prevê a Datagro. Se confirmada, a produção do próximo ano, que é colhida a partir do final de janeiro, será 5% superior aos 136,96 milhões de toneladas da produção estimada em 2021, segundo a Datagro.

As primeiras plantações de milho do Brasil serão expandidas em cerca de 4%, para 4,56 milhões de hectares na nova temporada, já que a demanda pelo cereal, um ingrediente-chave para a alimentação do gado, continua forte, mostram as projeções.

Com base nos padrões climáticos regulares, a primeira safra de milho do Brasil no ciclo 2021/2022 chegará a uma estimativa de 28,83 milhões de toneladas, 16% a mais que os 24,91 milhões de toneladas produzidas no ciclo anterior, disse a consultoria.

A área de safrinha do milho do Brasil também deve aumentar em 5%, para 16,37 milhões de hectares no próximo ciclo.

Na ausência de problemas climáticos, a Datagro disse que os agricultores brasileiros poderiam aumentar a produção de milho segunda safra para 90,84 milhões de toneladas em 2022, 45% acima do volume projetado para a safra atual, quando a seca e uma geada inoportuna prejudicaram grande parte da safra.

Por Ana Mano