Agronegócio

IGC eleva previsões de safras no mundo após alta dos preços

Reuters
Reuters

27 de maio de 2021 - 15:50 - Atualizado em 27 de maio de 2021 - 15:55

Por Nigel Hunt

LONDRES (Reuters) – O Conselho Internacional de Grãos (IGC, na sigla em inglês) aumentou a previsão, nesta quinta-feira, para a produção global de grãos na temporada de 2021/22, com os altos preços estimulando mais plantios.

Na sua atualização mensal, o órgão intergovernamental viu o total de produção de grãos no recorde de 2,292 bilhões de toneladas, alta de 5 milhões de toneladas da projeção anterior.

Os preços dos grãos avançaram intensamente este ano, com os futuros do milho negociados em Chicago subindo para uma máxima de oito anos neste mês.

A produção mundial de grãos em 2020/21 foi de 2,200 bilhões de toneladas.

“Com a expectativa de que os altos preços devem estimular maiores semeaduras, o resultado mundial (de grãos) em 2021/22 deve expandir em 6% ano a ano, para um novo pico”, afirmou o IGC.

A revisão de alta aconteceu, em partes, pela melhoria dos resultados das safras na Índia (158,1 milhões de toneladas ante a 155,9 milhões vistos anteriormente) e na Austrália (39,7 milhões ante a 38,4 milhões).

A IGC elevou a sua previsão para produção global de milho em dois milhões de toneladas para 1,194 bilhão de toneladas, bem acima da sessão anterior de 1,134 bilhão, enquanto a produção de trigo se manteve em 790 milhões de toneladas, uma alta de 774 milhões em 2020/21.

(Reportagem de Nigel Hunt)

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.