Agronegócio

Hong Kong suspende importação de aves de áreas da França e Japão por gripe aviária

Reuters
Reuters

14 de janeiro de 2021 - 15:32 - Atualizado em 14 de janeiro de 2021 - 15:35

(Reuters) – A autoridade de segurança alimentar de Hong Kong decidiu nesta quinta-feira suspender a importação de carne e subprodutos de aves da região de Kagoshima, no Japão, e do Canton of Armagnac-Ténarèze, na França, devido aos surtos de gripe aviária nessas regiões, informou a agência de notícias estatal Xinhua.

O Centro de Segurança Alimentar (CFS, na sigla em inglês) da Região Administrativa Especial de Hong Kong (HKSAR) instruiu o comércio a suspender a importação da proteína, incluindo ovos, dessas áreas, com efeito imediato, para proteger saúde pública de Hong Kong.

A decisão ocorreu após notificações do Ministério da Agricultura do Japão sobre um surto de influenza aviária H5 na província de Kagoshima, e da Organização Mundial de Saúde Animal (OIE, na sigla em inglês) sobre um surto de gripe aviária H5N3 em Canton of Armagnac-Ténarèze.

“O CFS contatou as autoridades japonesas e francesas sobre as questões e monitorará de perto as informações emitidas pela OIE e as autoridades relevantes sobre os surtos de gripe aviária. Ações apropriadas serão tomadas em resposta ao desenvolvimento da situação”, disse um porta-voz do CFS, de acordo com a Xinhua.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.