Agronegócio

Fixação de açúcar da safra 2022/23 do Brasil soma 4,1 mi t, diz Archer

Reuters
Reuters

24 de maio de 2021 - 17:26 - Atualizado em 24 de maio de 2021 - 17:30

SÃO PAULO (Reuters) – As vendas antecipadas de açúcar do Brasil da safra 2022/23, com início em abril do próximo ano, atingiram 4,1 milhões de toneladas, estimou nesta segunda-feira a consultoria Archer Consulting, em seu segundo levantamento para o próximo ciclo.

Até 30 de abril, as usinas tinham fixado, portanto, 16,2% da exportação de açúcar projetada para a temporada, ante 12% estimados no mês anterior, segundo cálculos da Archer.

O sócio-diretor da consultoria, Arnaldo Correa, disse que em abril, “pelo nosso modelo, as usinas fixaram mais de 1 milhão de toneladas de açúcar, aproveitando os bons preços observados ao longo mês”.

Segundo a consultoria, as usinas foram capazes de fixar ao redor de 1.962 reais por tonelada ao longo do mês, em média.

O preço médio apurado acumulado no período de outubro 2020 até abril de 2021 registra 13,84 centavos de dólar por libra-peso, sem considerar o prêmio de polarização –o valor médio da fixação é de 1.765 reais por tonelada (FOB Santos), equivalentes a 0,7683 real por libra-peso, ambas já incluindo o prêmio de polarização.

(Por Roberto Samora)

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.