Agronegócio

Exportação de café da Guatemala pode cair até 3% nesta temporada

Reuters
Reuters

19 de maio de 2021 - 17:12 - Atualizado em 19 de maio de 2021 - 17:15

Por Maytaal Angel e Sofia Menchu

LONDRES/CIDADE DA GUATEMALA (Reuters) – As exportações de café da Guatemala, o sexto maior exportador de café arábica do mundo, podem cair até 3% nesta temporada devido aos baixos preços ao produtor, falta de trabalhadores e chuvas irregulares ligadas às mudanças climáticas, afirmou a associação de café Anacafe.

Os preços futuros do café arábica estão em alta no mercado internacional no momento, negociado próximo à máxima de quatro anos, principalmente devido à queda de produção no Brasil, que inclui mais da metade da oferta de café arábica do mundo.

Os sinais de baixa produção na Guatemala são mais um motivo para preocupações, principalmente com os resultados em queda de Honduras, o principal produtor da América Central. A América Central e o México produzem cerca de um quinto do café arábica do mundo.

“(Nós estamos) tendo escassez de trabalhadores durante as últimas colheitas. Os baixos preços causam um efeito, é difícil aumentar salários” disse à Reuters o presidente da Anacafe, Juan Luis Barrios, em entrevista por telefone.

A Anacafe estima que a Guatemala deve exportar cerca de 3,1 milhões de sacas de 60 quilos nos 12 meses até o fim de setembro, ante 3,2 milhões da temporada anterior. O país exporta praticamente todo o café que produz.

Barrios disse que os produtores estão com perdas nesta temporada em torno de 20 a 40 centavos de dólar por libra-peso, quase o mesmo patamar visto na última temporada.

Os preços aos produtores subiram, com ajuda da alta nos preços mundiais, afirmou ele, acrescentando que a pandemia da Covid-19 aumentou os custos para transporte, alojamento e equipamentos pessoais de proteção.

O café é um dos três principais produtos agrícolas de exportação, com cerca de um milhão de pessoas no país dependendo dessa commodity para viver.

(Reportagem de Maytaal Angel)

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.