Agronegócio

Diesel e gasolina sobem nos postos pela 2ª semana; etanol também avança, diz ANP

Reuters
Reuters
Diesel e gasolina sobem nos postos pela 2ª semana; etanol também avança, diz ANP
Abastecimento de combustível no Rio de Janeiro

16 de julho de 2021 - 20:42 - Atualizado em 16 de julho de 2021 - 20:45

SÃO PAULO (Reuters) – Os preços médios de óleo diesel e gasolina avançaram pela segunda semana consecutiva nos postos de combustíveis do Brasil, enquanto o valor do etanol também apresentou ganho, indicou pesquisa da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) publicada nesta sexta-feira.

De acordo com o levantamento da reguladora, o preço médio do diesel nas bombas subiu 1,08% nesta semana em relação ao fechamento da anterior, atingindo 4,594 reais por litro.

Já o valor da gasolina avançou 1,53% no período, para cotação média de 5,831 reais por litro.

Concorrente direto da gasolina nos postos de combustíveis, o etanol quebrou uma sequência de três semanas de quedas e apurou alta de 1,12%, para média de 4,322 reais o litro, ainda de acordo com a ANP.

Embora os preços nos postos não necessariamente acompanhem de imediato os valores praticados pela Petrobras nas refinarias, dependendo de uma série de outros fatores –como impostos, mistura de biocombustíveis e margens de distribuição–, as altas semanais de diesel e gasolina ocorrem depois de a estatal também ter elevado suas cotações.

No último dia 5, a companhia, que detém um virtual monopólio no refino de petróleo no Brasil, anunciou aumentos de 3,7% no preço do diesel e de 6,3% no da gasolina nas refinarias, na primeira alta de ambos os combustíveis realizada pela gestão do presidente-executivo Joaquim Silva e Luna.

(Por Gabriel Araujo)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH6F17C-BASEIMAGE

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.