Agronegócio

Chuvas melhoram condições para safra da Rússia, diz analista

Reuters
Reuters

26 de outubro de 2020 - 11:41 - Atualizado em 26 de outubro de 2020 - 11:45

MOSCOU (Reuters) – As condições climáticas melhoraram para a safra de grãos da Rússia de 2021, depois que choveu em várias regiões na última semana, disse a Sovecon, uma importante consultoria agrícola em Moscou, em nota nesta segunda-feira.

Agricultores da Rússia, um dos maiores exportadores de trigo do mundo, estavam semeando cereal de inverno em solo seco este ano, aumentando os riscos para a safra de 2021.

“As condições climáticas estão melhorando gradualmente”, disse Sovecon.

Esta semana deverá ser relativamente seca com chuvas leves em várias regiões.

“A previsão de temperatura continua muito favorável para os agricultores. Com temperaturas de 2 a 4 graus Celsius acima do normal nas próximas duas semanas, o trigo de inverno tem um tempo para germinar antes do inverno”, acrescentou Sovecon.

No início de outubro, a Sovecon disse que o tempo seco poderia reduzir a área de semeadura de trigo no inverno da Rússia em 10-15%, embora as condições climáticas tenham melhorado desde então.

Os agricultores já semearam grãos de inverno em 94% da área planejada, ou 18 milhões de hectares, ante 17,6 milhões de hectares na mesma data um ano atrás, segundo o Ministério da Agricultura.

(Por Polina Devitt)

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.