Agronegócio

BRF diz que EUA encerram apuração contra companhia sem aplicar penalidades

Reuters
Reuters

6 de maio de 2021 - 11:02 - Atualizado em 6 de maio de 2021 - 11:05

SÃO PAULO (Reuters) – A empresa de alimentos BRF informou nesta quinta-feira que o Departamento de Justiça Americano (DOJ) encerrou investigações contra a empresa, que se seguiram ao desenvolvimento das operações “Trapaça” e “Carne Fraca”, sem aplicação de qualquer sanção ou penalidade.

A operação “Trapaça”, realizada há alguns anos, visou investigar suposto conluio com laboratórios para burlar regras de segurança alimentar.

A “Carne Fraca”, que antecedeu a Trapaça, inicialmente apontou que alguns frigoríficos teriam subornado fiscais a fim de manter fábricas em funcionamento, emitir certificados internacionais e permitir a venda de produtos em desconformidade com a legislação.

A BRF afirmou ainda que recebeu carta do DOJ sobre o assunto, após ter colaborado com as investigações de autoridades brasileiras e estrangeiras para esclarecimento dos fatos.

(Por Roberto Samora)

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.