Agronegócio

África do Sul reduz projeção para safra de milho 2020 por tempo úmido

Reuters
Reuters

29 de setembro de 2020 - 14:59 - Atualizado em 29 de setembro de 2020 - 15:00

JOANESBURGO (Reuters) – A África do Sul deverá colher 15,422 milhões de toneladas de milho em 2020, disse nesta terça-feira o Comitê de Estimativas Agrícolas (CEC, na sigla em inglês) do governo do país, reduzindo levemente sua projeção frente aos meses anteriores em função de um registro tardio de chuvas.

Em agosto, o CEC havia projetado a safra deste ano em 15,537 milhões de toneladas.

Apesar do recuo mensal em sua oitava estimativa de produção para a safra 2020, o CEC projetou que a colheita será 37% maior que a de 2018/19, quando os rendimentos foram afetados pelas condições climáticas secas, resultando na produção de 11,275 milhões de toneladas.

A safra deverá ser composta por 6,62 milhões de toneladas de milho amarelo, utilizado principalmente como ração para animais, e por 8,802 milhões de milho branco, usado para consumo humano.

A estimativa do CEC é levemente superior ao resultado de uma pesquisa da Reuters com cinco operadores e analistas, que projetavam a safra em 15,271 milhões de toneladas.

(Reportagem de Tumelo Modiba)