Agronegócio

ADM vai retomar produção de etanol em 2 usinas nos EUA diante de demanda maior

Reuters
Reuters

1 de abril de 2021 - 17:28 - Atualizado em 1 de abril de 2021 - 17:30

(Reuters) – A Archer Daniels Midland informou nesta quinta-feira que vai retomar produção em duas usinas de etanol de milho nos Estados Unidos neste ano, pois espera que a demanda pelo biocombustível se recupere da queda provocada pela pandemia.

A companhia havia decidido, em abril do ano passado, hibernar temporariamente a produção de etanol em suas fábricas em Cedar Rapids, no Estado de Iowa, e Columbus, no Nebraska, devido à menor demanda por gasolina.

A demanda por etanol de milho, que é misturado à gasolina, deve aumentar à medida que as pessoas voltem a dirigir mais, com a vacinação contra Covid-19 ganhando ritmo no país, e a China importa mais volumes, disse a ADM em comunicado publicado em seu website.

A trading de commodities ainda afirmou que as vendas de etanol também devem ser impulsionadas pela redução constante nos estoques globais e pelo apoio da Agência de Proteção Ambiental dos EUA a uma política firme de combustíveis renováveis, sob a qual as refinarias precisam misturar biocombustíveis à gasolina e ao diesel ou adquirir créditos.

“Temos monitorado cuidadosamente uma ampla variedade de condições do setor de etanol, e nas últimas semanas vimos sinais consistentes apontando para uma aceleração na demanda por etanol doméstico”, disse a ADM.

A empresa espera que as primeiras entregas de etanol aos clientes ocorram em meados de abril, e disse que aumentará a produção para a capacidade máxima nas duas instalações até o fim da primavera local, para atender à demanda da temporada de viagens da primavera-verão.

(Reportagem de Arathy S Nair, em Bangalore)

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.