Agronegócio

Açúcar recua na ICE com exportações da Índia no radar; café fecha em alta

Reuters
Reuters

25 de novembro de 2020 - 20:09 - Atualizado em 25 de novembro de 2020 - 20:10

NOVA YORK/LONDRES (Reuters) – Os contratos futuros do açúcar bruto negociados na ICE fecharam em queda nesta quarta-feira, à medida que o mercado segue no aguardo de novidades em relação às exportações da Índia em 2020/21, enquanto o café terminou o dia em território positivo.

AÇÚCAR

* O contrato março do açúcar bruto fechou em queda de 0,27 centavo de dólar, ou 1,8%, a 14,77 centavos de dólar por libra-peso, com o mercado no aguardo de notícias sobre possíveis subsídios para as exportações da Índia em 2020/21.

* As usinas de açúcar indianas fecharam pela primeira vez em três anos acordos de exportação sem subsídios do governo, enquanto lutam para pagar valores devidos aos agricultores, disseram fontes à Reuters.

* “As notícias e os rumores do mercado continuam com o foco nas possíveis exportações da Índia e nos subsídios pedidos”, disse Tobin Gorey, analista do Commonwealth Bank of Australia.

* O açúcar branco para março recuou 7,90 dólares, ou 2,3%, para 400,70 dólares por tonelada.

* A produção de açúcar do centro-sul do Brasil cresceu 57% na primeira quinzena de novembro, para 1,24 milhão de toneladas, informou a União da Indústria de Cana-de-açúcar (Unica).

CAFÉ

* O contrato março do café arábica fechou em alta de 1,25 centavo de dólar, ou 1,1%, a 1,1715 dólar por libra-peso.

* Operadores disseram que o tempo seco no sul do Brasil segue como um fator de suporte ao mercado, já que afeta as perspectivas para a safra do ano que vem no país, maior produtor global de café.

* O café robusta para março avançou 11 dólares, ou 0,8%, para 1.376 dólares a tonelada.

(Reportagem de Nigel Hunt e Jessica Resnick-Ault)

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.