Notícias

Adolescente manda matar o próprio pai após ser proibida de namorar

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

12 de maio de 2017 - 00:00 - Atualizado em 12 de maio de 2017 - 00:00

Célio Marques, 42 anos, foi morto a golpes de faca e machado (Foto: Reprodução/Record TV Itapoan)

A menina de 14 anos encomendou a morte do próprio pai após ele proibir seu namoro com um jovem envolvido com tráfico de drogas

*Do R7

Uma adolescente de 14 anos foi apreendida depois de ter encomendado a morte do próprio pai, no bairro do Engenho Velho de Brotas, em Salvador.

Célio Marques, 42 anos, foi morto a golpes de faca e machado. A jovem morava com o pai e o irmão mais velho, e eles não concordavam com o relacionamento da filha com um vizinho que seria envolvido com o tráfico de drogas.

A mãe da adolescente morreu quando ela tinha dois anos, e desde então passou a ser criada pelo pai. Marques trabalhava como reciclador em uma cooperativa em Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador.

De acordo com a polícia, a adolescente chegou a registrar uma queixa afirmando que o pai e o irmão haviam estuprado ela, mas ao investigar a acusação, a polícia descobriu que tudo não passava de uma invenção para que os traficantes da área matassem o pai dela.

Segundo a delegada responsável pelo caso, Claudine Mayo, a adolescente será encaminhada ao Ministério Público de Salvador.

Veja também

Pai de mulher que matou e esquartejou o marido fala sobre comportamento da filha

Polícia elucida crime que matou menino de 4 anos em São José dos Pinhais

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.