Notícias

Acusado de violência doméstica, Victor pede afastamento do The Voice Kids

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

26 de fevereiro de 2017 - 00:00 - Atualizado em 26 de fevereiro de 2017 - 00:00

Foto: Instagram, Reprodução

Sua mulher, Poliana Bagatini, alega ter sido jogada no chão e chutada diversas vezes

Após denúncia de que teria agredido a mulher, Poliana Bagatini, grávida do segundo filho do casal, o cantor Victor Chaves, da dupla com Léo, pediu afastamento do programa “The Voice Kids”, da TV Globo. A notícia foi dada pelo apresentador da atração, André Marques, neste domingo, 26. O sertanejo é um dos jurados do dominical.

“Esta semana aconteceu um fato importante envolvendo um dos técnicos do nosso programa. Uma acusação bastante grave de violência doméstica envolvendo o Victor. A Globo repudia toda e qualquer forma de violência e acredita que essa acusação precisa ser apurada com rigor, garantindo o direito de defesa na busca da verdade. O Victor, inclusive, nos procurou informando que iria se afastar do programa para se dedicar totalmente a esse caso”, disse André, logo na abertura do programa.

Apesar do comunicado de que a edição deste domingo manteria Victor, já que o programa estava gravado, o cantor apareceu apenas nas imagens abertas de estúdio e todas as suas falas foram cortadas. A Globo exibiu, ainda, as batalhas dos outros dois técnicos. A reportagem não conseguiu contato com a TV Globo para esclarecer o ocorrido.

Como informou o E+, notícias de entretenimento do portal Estadão na última sexta-feira, 24, Poliana Bagatini registrou um boletim de ocorrência contra o marido, em Belo Horizonte, no qual alega ter sido jogada no chão e chutada diversas vezes. No sábado, 25, ela fez exame de corpo de delito no Instituto Médico Legal (IML) na capital mineira.

Segundo a Polícia Civil, a mãe de Victor também registrou uma queixa contra a nora, cujo conteúdo não foi informado.

Atualização

Após a divulgação do caso, na tarde deste domingo (26) Poliana, a mulher de Victor, fez um post no Instagram em defesa do esposo. No texto assinado por ela, que está grávida do segundo filho do cantor, explicou que tudo começou com uma discussão sua com a sogra. No depoimento, afirma que não houve agressão.

— Vitor não me machucou e nunca me machucaria e, para comprovar, a inexistência de qualquer lesão, resolvi fazer a perícia no IML.

Poliana ainda disse que ela e o filho estão bem.

— Apesar do transtono que toda a repercussão nos causou, meu bebê e eu estamos em pleno estado de saúde.

As informações são do portal R7.

Leia mais
Sabrina Sato desabafa após se atrasar e desfilar sem parte da fantasia

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.