Leonardo Petrelli
Comunicação & Futuro

Por Leonardo Petrelli

Leonardo Petrelli

A Fazenda: O reality ainda mais presente na vida dos brasileiros

13ª edição aproxima o telespectador do mundo digital. Agora, você pode acompanhar o seu peão favorito 24 horas por dia

A Fazenda: O reality ainda mais presente na vida dos brasileiros
FOTO: EDU MORAES/RECORD TV

14 de setembro de 2021 - 17:17 - Atualizado em 14 de setembro de 2021 - 17:17

Na virada do século, era impossível imaginar a proporção que os realities shows tomariam no cotidiano das pessoas. O gosto popular foi atraído pelas sensações que um programa como A Fazenda provoca: a identificação com determinada situação, a revolta pelo comportamento de algum participante, a posição de se colocar no lugar do outro e a tentativa de imaginar como você agiria. 

Essa ascensão dos realities é reflexo de uma evolução de pensamento do espectador da televisão brasileira. Hoje, as pessoas estão mais atraídas pela vida real do que pela “vida de novela”. Ou seja, aquela que é coreografada. O desafio dos produtores é apresentar a verdadeira essência dos participantes, ainda que eles não estejam na sua rotina natural. 

Só atingindo esse ideal de comportamento, é que a atração consegue captar aquilo que é mais precioso: a identificação do público. Quando as pessoas assistem, refletem e se emocionam, o debate popular é certo. Os realities shows tornaram-se, inclusive, um dos principais vetores da atualidade para o debate sincero e realista sobre  pautas importantes para a sociedade, como racismo, homofobia e feminismo.

A verdade é que os brasileiros amam esse estilo de programa e os números comprovam essa afirmação. A MindMiners divulgou uma pesquisa sobre o comportamento dos telespectadores e os resultados surpreendem: 90% da população brasileira sabe o que é um reality show, sendo que 89% dela já assistiu algum.

Durante a pandemia, aumentamos o consumo da televisão. E os realities caíram na graça das redes sociais, porque, em um momento delicado como o que atravessamos, houve a identificação com o confinamento. Como consequência disso, essas atrações atingiram grandes recordes de votação e exibição: A audiência dos programas do gênero reality show cresceu de 50% a 60% nesse período.

A 12ª temporada de A Fazenda, realizada em 2020, atingiu 118 milhões de telespectadores em todo o Brasil. A final foi histórica para toda a emissora, que dobrou a audiência em relação à edição anterior (picos de 18 contra 9 pontos em 2019). A funkeira Jojo Todynho foi a campeã e a sua trajetória deixou uma mensagem para aqueles que se identificam com ela: é possível vencer.

Atentando-se a todos os protocolos de saúde, a 13ª edição promete envolver ainda mais os espectadores. Mais de 50 câmeras vão registrar toda a rotina rural dos participantes. Sendo que 40 delas são robóticas, com o viés de diminuir o número de operadores de câmeras por conta da pandemia. A Fazenda também contará com imagens feitas por drone, câmera GoPro e celular.

Os programas com esse formato encontraram na tecnologia uma grande aliada. Com a globalização e a disputa pela atenção dos espectadores, as informações não cabem apenas na televisão, mas demandam de uma forte presença na internet. Hoje, com tamanha força das redes sociais, tornou-se praticamente impossível sair ileso das notícias relacionadas aos realities.

No campo digital, o crescimento desses programas também foi bastante significativo. Segundo a Kantar TV Ratings, o consumo dos realities shows nas redes sociais cresceu 117%. A Fazenda garante essa interatividade para o seu público, nesta edição serão produzidos posts pelos peões da atração, lançados desafios de TikTok e Reels, além de filtros para as redes e outras novidades.

A grande inovação da temporada, veio a partir de um apelo do público. Agora, no PlayPlus, os espectadores poderão acompanhar A Fazenda 24 horas por dia, com nove câmeras exclusivas. Em todos os momentos, você poderá acompanhar o seu peão favorito e interagir nas redes sociais. Com certeza, por essa inovação, o reality estará ainda mais presente nas redes sociais.

Outra novidade é que é a primeira vez que A Fazenda será comandada por uma mulher. Sou um adepto do protagonismo feminino e fiquei muito contente quando soube que Adriane Galisteu assumiria a apresentação da 13ª edição. Com sua personalidade forte e presença marcante, a apresentadora fez muito sucesso no comando do Power Couple Brasil 5 e agora parte para esse novo desafio.

A sede do programa está pronta para receber os fazendeiros. Localizada em Itapecerica da Serra, na Grande São Paulo, a decoração foi totalmente repaginada: com novas cores, elementos cenográficos e objetos de arte. Esse é o local que vai registrar essa nova história, uma oportunidade de você torcer, rir, vibrar e chorar com aqueles que se destacarem.

Mais uma vez, o telespectador terá participação ativa no programa e será protagonista em momentos decisivos do jogo. É o caso da temida roça, quando o público poderá votar para que seu peão favorito continue no jogo. Aliás, além do desafio de conviver com perfis, profissões e personalidades diferentes, os participantes estão em busca do prêmio de R$ 1,5 milhão.

Essa é a hora de você conhecer os famosos participantes do reality. Não pelo nome, mas pela sua verdadeira personalidade. Com certeza, será um desafio repleto de emoções, tensão, enredo e união de ideias. Acompanhe na Record TV e pelas redes sociais de A Fazenda. A estreia é hoje (14), às 22h45, aproveite com a sua família.