Internet

Procon orienta sobre o golpe do dinheiro fácil e dá dicas para não se tornar vítima

Iludido pela oferta de valores de forma rápida e sem consulta aos Órgãos de Proteção ao Crédito, o cidadão procura pelo ‘dinheiro fácil’

Aline
Aline Cristina / Repórter
Procon orienta sobre o golpe do dinheiro fácil e dá dicas para não se tornar vítima
Foto: Ilustrativa / Pixabay

30 de junho de 2022 - 06:00

O Procon Toledo, no Oeste do Paraná, juntamente com unidades de outros municípios, iniciou uma campanha para alertar a população em relação a golpes oferecendo dinheiro pela internet. Os anúncios “dominam” as redes sociais informando números de telefones para que os consumidores entrem em contato. 

De acordo com a coordenadora do órgão no município, Janice Finkler, iludido pela oferta de valores de forma rápida e sem consulta aos Órgãos de Proteção ao Crédito, o cidadão procura pelo ‘dinheiro fácil’. 

“Neste contexto, surgem inúmeras empresas fraudulentas que se beneficiam da falta de informação do consumidor”. 

Janice Finkler – coordenadora do Procon Toledo

Janice ainda acrescenta que o golpista oferece estes supostos empréstimos apresentando contrato, bem como Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) ativo, na tentativa de induzir aos consumidores que se trata de uma empresa verdadeira.

 “Observamos que a maioria dos golpes, para não dizer todos, seguem um padrão”. 

Janice Finkler – coordenadora do Procon Toledo

Golpe

A coordenadora explica que após a aceitação do empréstimo é solicitado que o consumidor faça depósitos em nome de pessoas físicas de valores que os golpistas identificam como taxas de cartório, seguro fiança, impostos, liberação de limite, taxa do Banco Central, entre outros. Janice alerta, esta conduta não é adotada por nenhum banco, financeira ou agentes de crédito que sejam idôneos.

 “Não existe antecipação ou qualquer tipo de taxa ou antecipação de valores para conceder empréstimo pessoal”. 

Janice Finkler – coordenadora do Procon Toledo

No caso de dúvida sobre a empresa financiadora, o consumidor pode consultar no site do Banco Central se ela tem autorização para ofertar empréstimos.

Procon

O Procon orienta os consumidores para ficarem atentos a este padrão de conduta e em caso de dúvidas entrem em contato com o órgão, pelos telefones.

  • Cascavel (45) 3392-6300
  • Foz do Iguaçu (45) 2105-8700
  • Toledo (45) 3196-2440
Policial, serviços, política, saúde, economia… Tem isso e tudo o que acontece no Paraná no RIC Mais. Clique aqui e mande sua sugestão de pauta.