Inova RIC

O Instituto de Bioengenharia Erasto Gaertner em parceria com o Labiie e o Condor Connect realiza o seu primeiro Health Pitch Day

O processo de aceleração de startups vai contribuir preparando estas ideias inovadoras com uma pegada de mercado

Kauana
Kauana
O Instituto de Bioengenharia Erasto Gaertner em parceria com o Labiie e o Condor Connect realiza o seu primeiro Health Pitch Day

12 de março de 2020 - 00:00 - Atualizado em 21 de junho de 2021 - 15:45

O Instituto de Bioengenharia Erasto Gaertner vai investir em inovação de processos e produtos e pretende lançar já para o mês de Abril a abertura do seu inédito Centro de Inovação Erasto  Gaertner.  Para promover a inovação em processos e produtos através das tecnologias digitais, o IBEG pretende incubar e acelerar projetos inéditos de startups, e para isto contará com o apoio do Laboratório de Inovação em Inteligência Empreendedora – Labiie, e com a aceleradora Condor Connect.

Este projeto inédito tem o objetivo de conectar a experiência  de mercado em incubação e aceleração de  startups, com a experiência de processos e produtos hospitalares do IBEG para criar um ecossistema de HealthTechs em Curitiba, expandindo para as outras cidades e Estados.

Neste dia 12 de março foi realizado nas instalações do IBEG, o primeiro Health Pitch Day para a seleção de novos projetos, onde compareceram diversas startups que trabalham desde o desenvolvimento de novos produtos para diagnóstico até tratamentos baseados na física quântica. O evento, fechado, estava recheado de Inovação e tecnologia.

O objetivo do Labiie e do Condor Connect é colocar até o lançamento do Centro de Inovação 5 startups já dentro do Programa de aceleração. “A pegada do Erasto é inovar, então não podemos perder tempo. Que venha a inovação “, explica Kauana, líder desta iniciativa. E este é só o primeiro evento da nova iniciativa. “Esperamos que seja o primeiro de muitos.”, comentou Emerson, coordenador do IBEG.

A busca pela melhoria das qualidades dos serviços hospitalares em conjunto com a sempre constante preocupação de melhoria da jornada do paciente é um dos propósitos do novo Centro de Inovação, e a qualidade das apresentações durante todo o dia do evento deixaram todos muitos entusiasmados. “Nós queremos nos tornar um Centro de Inovação referência em qualidade e inovação no setor hospitalar no Brasil.”, comentou Emerson.

O processo de aceleração de startups vai contribuir preparando estas ideias inovadoras com uma pegada de mercado, para que além de contribuir com a qualidade e inovação no setor hospitalar do Hospital Erasto Gaertner, possam se tornar negócios bem construídos que tenham equilíbrio financeiro e estruturação sólida para levar está solução para todo no setor hospitalar.

O Labiie e o Condor Connect participaram ativamente da sensibilização, em toda a equipe do Erasto Gaertner. Através destes eventos surgiram importantes discussões sobre as melhorias possíveis em processos e produtos, bem como identificadas as dores que cada setor hoje enfrenta, e que inclusive algumas delas foram comuns a todos eles. “Com base nestas dores é que pretendemos selecionar nossas primeiras startups.”, explica o professor Dornelles, da UFPR, parceira de projetos de extensão do Labiie é do IBEG.

A iniciativa apenas começou e já está provocando alvoroço dentro do ecossistema de startups de Curitiba. Estiveram presentes startups que vieram pelo Vale do Pinhão, pelo sistema FIEP e inclusive do ecossistema de outras cidades do Estado. Aguardem que o Labiie1, o Condor Connect e o IBEG vão agitar a inovação no ecossistema hospitalar.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.