Futebol

Weverton culpa falta de eficácia por derrota do Palmeiras e lamenta pouco tempo de treino

Gazeta
Gazeta Esportiva

25 de abril de 2021 - 22:16 - Atualizado em 25 de abril de 2021 - 22:30

Neste domingo, o Palmeiras perdeu por 2 a 1 para o Mirassol, em casa, pela oitava rodada do Campeonato Paulista. O Verdão até iniciou o jogo melhor, criando chances para abrir o placar, mas o time parou em uma noite iluminada de Alex Muralha. E para o goleiro Weverton, a falta de eficácia na pontaria foi justamente o fator determinante para o resultado negativo.

“Nossa eficácia hoje não foi boa. Criamos, tivemos boas oportunidades, mas o Mirassol foi mais eficaz nas chances que tiveram, conseguiram fazer os gols e nós não. Criamos, buscamos, mas infelizmente a bola não quis entrar hoje”, disse ao SporTV.

Preocupado com o duelo contra o Independiente del Valle, que ocorre nesta terça-feira, pela segunda rodada da fase de grupos da Libertadores, o técnico Abel Ferreira optou por uma escalação alternativa diante do Leão. Um dos únicos titulares em campo, Weverton lamentou a falta de entrosamento da equipe.

“Não é fácil jogar sempre com jogadores eficientes e pouco tempo para treinar. A gente treina mais no dia do jogo, se reúne no dia do jogo para treinar com quem vai para o jogo. Lógico que isso não é desculpa, é um fator difícil. A gente vem e faz o melhor, infelizmente a bola não entrou. Tem de trabalhar mais, se dedicar mais do que a gente vem fazendo, que é muito, mas vamos fazer mais para melhorar e as coisas funcionaram bem como funcionaram no ano passado”, finalizou.

Com o resultado, o Alviverde viu a sua situação no Estadual ficar complicada. O clube está na terceira colocação do Grupo C, com 12 pontos, cinco a menos que o Novorizontino, segundo colocado. O líder é o Bragantino, que tem 21.