Futebol

Palmeiras tem aproveitamento superior a 83% contra times peruanos

Gazeta
Gazeta Esportiva

21 de abril de 2021 - 07:00 - Atualizado em 21 de abril de 2021 - 07:15

Nesta quarta-feira, o Palmeiras inicia a sua trajetória na Libertadores de 2021. Atual campeão, o Verdão estreia contra o Universitario, do Peru, fora de casa. E para começar com o pé direito, o Alviverde aposta no bom retrospecto contra times peruanos.

Ao todo, a equipe paulista já realizou 16 compromissos diante de clubes do Peru, com 13 vitórias, um empate e apenas duas derrotas, além de 47 gols marcados e 11 sofridos. Ou seja, um aproveitamento de 83,3% dos pontos disputados.

Destas partidas, oito foram realizadas em solos peruanos, como será nesta noite. Nestes embates, o Palmeiras soma seis triunfos, uma igualdade e um revés. O último jogo do Alviverde no país foi no dia 25 de abril de 2019, quando a então equipe de Felipão goleou o Melgar por 4 a 0, pela Libertadores, com gols de Gustavo Gómez, Gustavo Scarpa, duas vezes, e Moisés.

Considerando apenas os confrontos contra o Universitario, foram quatro encontros até então, com três vitórias e uma derrota, além de 11 tentos pró e cinco contra. O combate mais recente entre eles, no entanto, foi em abril de 1979, quando os peruanos venceram por 2 a 0, no Brasil, pela Libertadores daquele ano.

Palmeiras e Universitario voltam a se enfrentar, portanto, nesta quarta-feira, às 21 horas (de Brasília), no Estádio Monumental de Ate, em Lima, pela primeira rodada do Grupo A da Libertadores de 2021.