Futebol

Grêmio derrota o Vitória e garante vaga nas quartas da Copa do Brasil

Gazeta
Gazeta Esportiva

3 de agosto de 2021 - 20:52 - Atualizado em 3 de agosto de 2021 - 21:15

O Grêmio derrotou novamente o Vitória pelas oitavas de final da Copa do Brasil, dessa vez por 1 a 0 na Arena de Porto Alegre. Com a vantagem de três gols conquistada na semana passada, a equipe gaúcha se classifica para as quartas de final da competição.

Agora, o Grêmio aguarda os outros jogos das oitavas de final para conhecer seu próximo adversário na Copa do Brasil. A CBF irá fazer o sorteio dos confrontos nesta sexta-feira, às 15 horas (de Brasília).

O jogo – A partida em Porto Alegre começou com muita igualdade no primeiro tempo. A equipe do Vitória precisava de uma goleada para sair com a classificação e até ficou mais tempo com a posse da bola, mas pouco criou para ameaçar o gol de Chapecó.

Do outro lado, o Grêmio iniciou o jogo mais tímido e depois se soltou. Tanto que, aos 43 minutos, conseguiu um pênalti depois de toque de mão na bola de João Pedro, que foi expulso. Na cobrança, Jean Pyerre colocou os gaúchos na frente do placar.

O inevitável movimento para o Vitória era partir pra cima do Grêmio no segundo tempo, mas o jogador a menos deixou a defesa da equipe baiana exposta para o jogo rápido de contra ataque. Mesmo assim, o time de Felipão mostrou dificuldades para conseguir transformar oportunidades em gol.

Desta maneira, o confronto seguiu morno até o apito final, garantindo o clube gaúcho na próxima fase da Copa do Brasil.

FICHA TÉCNICA

GRÊMIO 1 X 0 VITÓRIA

Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)

Data: 3 de agosto de 2021 (terça-feira)

Horário: 19 horas (de Brasília)

Árbitro: Leo Simão Holanda (CE)

Assistentes: Nailton Junior de Sousa Oliveira e Cleberson do Nascimento Leite (ambos do CE)

VAR: Rafael Traci (SC)

Cartão Amarelo: Ruan e Guilherme Guedes (Grêmio)

Cartão Vermelho: João Pedro (Vitória)

GOLS:

Grêmio: Jean Pyerre, aos 44 minutos do 1º tempo

Vitória:

GRÊMIO: Gabriel Chapecó; Vanderson (Rodrigues), Geromel, Ruan e Bruno Cortez (Guilherme Guedes); Lucas Silva e Darlan (Thiago Santos); Alisson (Luiz Fernando), Jean Pyerre e Léo Pereira (Jhonata Robert); Ricardinho

Técnico: Luiz Felipe Scolari

VITÓRIA: Lucas Arcanjo; Van (Cedric), Marcelo Alves, Mateus Moraes e Roberto; Gabriel Bispo, João Pedro, Eduardo (Gabriel Inocêncio) e Soares (David); Guilherme Santos (Pedrinho) e Samuel (Caíque Souza)

Técnico: Ramon Menezes