Futebol

Derrotado na última final, Cuca nega clima de revanche com Palmeiras na semi pelo Atlético-MG

Pelo Alviverde, Cuca venceu a Série A de 2016, encerrando um jejum de 22 anos do clube sem títulos na competição. Já no ano seguinte, em sua segunda passagem, o treinador não obteve sucesso: foi demitido em outubro, cinco meses após ser contratado

Gazeta
Gazeta Esportiva
Derrotado na última final, Cuca nega clima de revanche com Palmeiras na semi pelo Atlético-MG
Técnico tentará levar o Galo ao bicampeonato da competição (Foto: Bruna Prado/AFP)

19 de agosto de 2021 - 09:47 - Atualizado em 19 de agosto de 2021 - 11:56

O Atlético-MG venceu o River Plate por 3 a 0 na quarta-feira. Com o triunfo no Mineirão, o time treinado por Cuca avançou à semifinal da Copa Libertadores.

Na próxima fase, o Galo enfrentará o Palmeiras, último campeão do torneio, que derrotou o Santos por 1 a 0, no Maracanã, em janeiro. Na ocasião, o Peixe era comandado pelo atual técnico da equipe mineira.

Apesar do reencontro, Cuca afirmou que não encara o duelo por meio da rivalidade: “Eu não sou um clube, sou um treinador. Não joguei contra o Palmeiras, quem jogou foi o Santos, que era dirigido por mim. Hoje quem vai jogar contra o Palmeiras é o Atlético. Não tem nada de revanche.”

“A gente está muito feliz de estar em uma semifinal de Libertadores – o Palmeiras também está. São jogos iguais”, completou o treinador, durante entrevista coletiva pós-jogo.

Pelo Alviverde, Cuca venceu a Série A de 2016, encerrando um jejum de 22 anos do clube sem títulos na competição. Já no ano seguinte, em sua segunda passagem, o treinador não obteve sucesso: foi demitido em outubro, cinco meses após ser contratado.

Os duelos entre Palmeiras e Atlético-MG estão previstos para os dias 22 e 29 de setembro. A partida de ida será disputada no Allianz Parque, enquanto o jogo de volta ocorrerá no Mineirão.