Futebol

Coritiba marca no fim e vence o Fortaleza por 2 a 1

Coxa abre o placar logo no início, tem jogador expulso, leva o empate, mas consegue a vitória dramática em gol de José Hugo, aos 48 minutos do segundo tempo

Guilherme
Guilherme Almeida
Coritiba marca no fim e vence o Fortaleza por 2 a 1
Coxa volta a vencer após cinco jogos (Foto: Felipe Dalke/Coritiba)

3 de julho de 2022 - 20:53 - Atualizado em 3 de julho de 2022 - 21:22

Na noite deste domingo (03), Coritiba e Fortaleza se enfrentaram, no Couto Pereira, pela 15ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro.

A partida no Alto da Glória teve de tudo um pouco. Queda de energia que atrasou o início do jogo em 45 minutos, gol relâmpago, expulsão, drama e alívio no final.

Com todos esses ingredientes, o Coxa conseguiu dar fim a série de quatro derrotas seguidas ao vencer por 2 a 1, gols marcados pelos atacantes Léo Gamalho e José Hugo, aos 48 minutos do segundo tempo, e dar alegria aos mais de 20 mil torcedores que compareceram ao duelo. O zagueiro Habraão marcou o tento do Leão do Pici, que segue sem nunca ter vencido o rival em Curitiba.

Com o resultado, o Coritiba respira na classificação, ganha quatro posições, e alcança o 12º posto, com 18 pontos. Já o Fortaleza, por sua vez, vê a derrota complicar ainda mais a situação no campeonato, e permanece na lanterna, com apenas 10 pontos.

Na próxima rodada, a 16ª da competição, o Coritiba novamente atua no Couto Pereira, desta vez, diante do Juventude, no próximo domingo (10), às 11h. No mesmo dia, mas às 18h, o Fortaleza recebe o Palmeiras, na Arena Castelão.

CORITIBA 2 X 1 FORTALEZA

O atraso na partida não influenciou no ímpeto do Coritiba, que começou a partida ligado nos 220v, e abriu o placar logo no primeiro ataque. Aos dois minutos, Alef Manga recebeu em velocidade e cruzou pela esquerda, na medida para Léo Gamalho, que ganhou da marcação e cabeceou no contrapé de Marcelo Boeck, que até encostou na bola, mas não evitou o gol.

O Coxa seguiu pressionando, e teve outra boa chance aos 19 minutos, após finalização de Fabrício Daniel, que saiu próxima ao gol. O técnico Gustavo Morínigo, que havia testado uma formação diferente, viu a ideia ruir logo aos 30 minutos, após Warley sentir lesão e sair de campo chorando, dando lugar à Thonny Anderson.

O Fortaleza, por sua vez, tentava em chutes de longe, mas que não levavam perigo ao gol de Rafael William. Como o Coxa não fez nada mais para ampliar o marcador, o 1 a 0 permaneceu na primeira etapa.

Porém, o Leão do Pici voltou com uma postura mais ofensiva na segunda etapa, principalmente após o treinador Juan Pablo Vojvoda colocar alguns jogadores considerados titulares, como os meias Lucas Lima e Yago Pikachu, que começaram como opção no banco de reservas, devido a decisão pela Copa Libertadores, na próxima quinta-feira (07).

Os cearenses tiveram um leve domínio no campo, com mais a posse de bola, mas não conseguiram ser efetivos. O Coritiba, por sua vez, tinha dificuldades para criar jogadas, mas ia se segurando como podia. Porém, um lance capital foi determinante para mudar os rumos da partida.

Aos 38 minutos, após revisão do VAR, Nathan Mendes recebeu o cartão vermelho, por pisão em Juninho Capixaba. No lance seguinte, o Fortaleza chegou ao empate em cabeçada de Habraão, que recebeu lindo cruzamento de Romarinho. Com um jogador a mais, os visitantes foram para cima em busca da virada. Porém, em uma jogada despretensiosa, o Coritiba conseguiu a vitória.

Aos 48 minutos, após tiro de meta, José Hugo ganhou da defesa, saiu em velocidade e tocou na saída de Marcelo Boeck, levando os mais de 20 mil torcedores presentes no Couto Pereira ao delírio.

Ficha Técnica
Série A
15ª rodada

Coritiba: Rafael William; Matheus Alexandre, Henrique, Luciano Castán e Diego Porfírio (Egídio 2ºT/15″); Willian Farias, Val e Fabrício Daniel (Bernardo 2ºT/21″); Alef Manga (José Hugo 2ºT/00″), Léo Gamalho e Warley (Thonny Anderson 1ºT/30″) (Nathan Mendes 2ºT/21″)
Técnico: Gustavo Morínigo
Gols: Léo Gamalho (1ºT/02″); José Hugo (2ºT/48″)
Cartões amarelos: Alef Manga (1ºT/32″); Val (1ºT/40″)
Cartão vermelho: Nathan Mendes (2ºT/38″)

Fortaleza: Marcelo Boeck; Habraão, Marcelo Benevenuto, Titi (Lucas Crispim 2ºT/33″) e Vitor Ricardo (Yago Pikachu 2ºT/00″); José Welison, Ronald (Hércules 2ºT/00″), Matheus Vargas (Lucas Lima 2ºT/00″) e Juninho Capixaba; Romarinho e Moisés (Silvio Romero 2ºT/33″)
Técnico: Juan Pablo Vojvoda
Gols: Habraão (2ºT/39″)
Cartões amarelos: Ronald (1ºT/45″); Juninho Capixaba (2ºT/34″); Titi (2ºT/42″)

Local: Couto Pereira, em Curitiba (PR)
Data: 03/07/2022
Horário:
 18h
Árbitro: Felipe Fernandes de Lima (MG)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (MG) e Celso Luiz da Silva (MG)
Quarto árbitro: Lucas Paulo Torezin (PR)
Árbitro de vídeo: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP)