Futebol

Concorrência e coincidências: entenda por que João Pedro ainda não foi relacionado no Corinthians

Gazeta
Gazeta Esportiva

2 de outubro de 2021 - 07:00 - Atualizado em 2 de outubro de 2021 - 07:15

João Pedro chegou ao Corinthians no último dia de agosto. Após isso, o Timão fez quatro partidas, contra Juventude, Atlético-GO, América-MG e Palmeiras.

O lateral direito não foi relacionado para nenhum desses compromissos, e o mesmo aconteceu nessa sexta, quando o clube divulgou os escolhidos de Sylvinho para o duelo contra o Red Bull Bragantino.

Portanto, após um mês de treinamentos no CT Joaquim Grava, João Pedro não conseguiu ganhar espaço, nem mesmo para o banco de reservas, em nenhuma partida.

Nada de lesão

A Gazeta Esportiva apurou que João Pedro tem participado normalmente das atividades, sem qualquer restrição ou contusão. A não utilização dele é exclusivamente motivada por uma decisão técnica de Sylvinho e sua comissão.

João Pedro não está sendo relacionado porque não está conseguindo vencer a concorrência interna, e isso está diretamente ligado ao crescimento de Du Queiroz.

Coincidência pesou contra

Uma semana antes de João Pedro ser anunciado pela diretoria, Du ganhou sua primeira oportunidade no time profissional do Corinthians, justamente na lateral direita, na partida contra o Athletico-PR, por causa de uma lesão inesperada de Fagner durante o jogo, em Curitiba.

Naquele momento, Sylvinho não tinha um lateral de ofício no banco, e escolheu Du, ciente de que o jovem já havia feito àquela função nas categorias de base.

Apesar da confiança depositada no atleta, é consenso dentro do clube de que Du reagiu melhor do que se imaginava.

A atuação consistente na partida contra o Grêmio, quando precisou ser titular na vaga de Fagner, dois dias antes de João Pedro assinar contrato, fez Du ganhar a confiança de Sylvinho e, de repente, passar a ser avaliado com mais atenção.

Boa fase de Du

Contra o Atlético-GO, de novo Fagner sentiu uma lesão. Outra oportunidade que não estava programada, mas que foi muito bem aproveitada por Du, de apenas 21 anos de idade.

Para confirmar a ascensão do jovem, no Derby com o Palmeiras, sábado passado, Du entrou no segundo tempo, dessa vez como volante, sua posição de origem, e, novamente, agradou, inclusive participando de maneira direta do gol da vitória, anotado por Róger Guedes.

Prioridade é outra

A participação de Du em quatro partidas fez Sylvinho valorizar a polivalência e a eficiência do atleta, de modo a optar por “ganhar uma vaga” em outro setor na hora de definir a lista de relacionados para os jogos.

O fato de alguns titulares do meio e do ataque ainda não estarem em condições físicas ideais também tem peso importante nessa decisão do técnico. Ter mais opções no banco para esses setores é uma prioridade no momento, enquanto a lateral direita pode ter Du, improvisado, se for necessário.

Diante de todo esse cenário, João Pedro tem sido preterido. Para mudar o curso da história, o jogador de 24 anos terá trabalhar muito no CT.

Um detalhe importante é que Fagner está pendurado com dois cartões amarelos. Caso o titular receba mais um cartão, ele terá de cumprir suspensão automática. Em tese, seria a grande oportunidade para João Pedro.

Contrato e inatividade

O vínculo de empréstimo de João Pedro com o Corinthians vai até junho de 2022. O lateral pertence ao Porto-POR e estava emprestado ao Bahia desde 2019. O Timão assumiu apenas o salário do atleta, e não pagou nenhuma compensação financeira pelo acordo.

Ele chegou para ser o reserva imediato de Fagner, após avaliação de que Matheus Alexandre não ficaria no grupo.

A última partida de João Pedro foi em 21 de abril, quando ele jogou os 10 minutos finais da partida entre Bahia e Torque-URU, pela Copa Sul-Americana.