Futebol

Com técnico interino, Flamengo encerra preparação para o duelo com a Chapecoense

Gazeta
Gazeta Esportiva

10 de julho de 2021 - 16:59 - Atualizado em 10 de julho de 2021 - 17:00

Em turbulência e à procura de um técnico, o Flamengo encerrou a preparação para o duelo com a Chapecoense, neste domingo, às 18h15, no Maracanã, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com a demissão de Rogério Ceni, o Rubro-Negro terá no banco de reservas o técnico Maurício Souza. Ele comandou o treino deste sábado, no Ninho do Urubu.

Maurício Souza tem a missão de estancar os maus resultados em campo no Brasileiro e diminuir a crise no clube às vésperas das oitavas de final da Libertadores. Na quarta-feira, o Flamengo enfrenta o Defensa y Justicia, na Argentina.

O clube carioca vem de duas derrotas seguidas, para Fluminense e Atlético-MG, que pesaram para a demissão de Ceni, além do desgaste que o técnico tinha no clube. Contra a Chapecoense, Maurício Souza tem de lidar com a rotina de desfalques do Fla. Há a expectativa quanto ao retorno de Éverton Ribeiro e Gabigol, mas depende da utilização da dupla na final da Copa América, no clássico entre Brasil e Argentina, neste sábado.

O técnico interino não pode contar com João Gomes, suspenso, e Diego e Bruno Henrique, lesionados. Ele é obrigado a fazer mudança. Hugo Moura e Thiago Maia são os favoritos ao posto ocupado por Gomes. No ataque, Vitinho retorna, após cumprir suspensão.

A provável escalação do Flamengo é a seguinte: Diego Alves; Isla, Rodrigo Caio, Gustavo Henrique e Filipe Luís; Hugo Moura (Thiago Maia), Willian Arão, Arrascaeta e Vitinho; Michael (Éverton Ribeiro) e Pedro (Gabigol).

Enquanto busca um novo técnico – o nome de Renato Gaúcho ganhou força -, o Flamengo precisa retomar o caminho da vitória para aliviar a pressão e não se complicar no Brasileiro – o time tem 12 pontos, em uma campanha com quatro vitórias e quatro derrotas.