Esportes

Jogando em casa, Bragantino é derrotado pelo Athletico-PR em ”prévia” da final da Sul-Americana

Furacão faz partida inteligente, volta a vencer após seis partidas e se distancia da zona de rebaixamento. Marcinho e Pedro Rocha foram os autores dos gols

Gazeta
Gazeta Esportiva
Jogando em casa, Bragantino é derrotado pelo Athletico-PR em ”prévia” da final da Sul-Americana
Furacão venceu no Nabi Abi Chedid e encerrou sequência incômoda sem triunfos (Foto: Reprodução/Athletico)

7 de novembro de 2021 - 16:55 - Atualizado em 7 de novembro de 2021 - 21:30

Na tarde deste domingo, Bragantino e Athletico-PR se encontraram pela 30ª rodada da Série A do Brasileirão, em Bragança Paulista. Entre as duas equipes, que se enfrentarão no próximo dia 20 pela final da Copa Sul-Americana, melhor para o Furacão, que contou com gols de Marcinho e Pedro Rocha para vencer por 2 a 0.

O resultado representou, além dos três pontos, a quebra de jejum de vitórias que já durava seis partidas na Série A para o Athletico-PR, que soma agora 38 pontos na classificação. Enquanto isso, o Bragantino segue na luta pelo G4, estacionado nos 49.

Pela próxima rodada do Brasileirão, o Massa bruta tem pela frente o Santos, na Vila Belmiro, nesta quarta-feira, às 19h (de Brasília). No mesmo dia, o Athletico-PR encara o Ceará, na Arena da Baixada, às 18h30.

O jogo – No primeiro tempo, os donos da casa propuseram mais o jogo, criando mais chances, finalizando mais e dominando a posse de bola. Porém, apesar disso, a primeira boa chance veio do lado do Furacão.

Aos 7 minutos de bola rolando, Nikão encontrou Bissoli dentro da grande área e atacante girou para a batida, interrompida por ótima defesa de Cleiton. Logo depois, aos 9, Santos também teve que trabalhar em finalização de Helinho. No final da etapa, aos 47, Cuello foi mais um a fazer o goleiro athleticano trabalhar.

Na segunda etapa, enfim o placar foi inaugurado. Aos 14 minutos, Marcinho foi para cobrança de falta pelo lado esquerdo. Na batida, dando a entender que iria fazer o cruzamento, o lateral surpreendeu e encobriu o goleiro Cleiton em belo chute.

Após o gol, o cenário da partida era o Athletico-PR fechado, enquanto o Bragantino tentava pressionar, mas barrava na forte marcação da equipe visitante, que passou a explorar os contra-ataques. A tática da equipe paranaense foi efetiva e, aos 45, Pedro Rocha ampliou o placar e decretou a vitória.

FICHA TÉCNICA

BRAGANTINO 0 X 2 ATHLETICO-PR

Local: Nabi Abi Chedid , em Bragança Paulista (SP)

Data: 7 de novembro de 2021, domingo

Horário: 16h00 (de Brasília)

Árbitro: Anderson Daronco (RS-Fifa)

Assistentes: Rafael da Silva Alves (RS-Fifa) e Michael Stanislau (RS)

VAR: Jean Pierre Goncalves Lima (RS)

Cartões amarelos: Eric Ramires e Nathan (Bragantino); Bissoli, Léo Cittadini e Zé Ivaldo (Athletico-PR)

Gols:

Athletico-PR: Marcinho (14′ do 2T) e Pedro Rocha (45′ do 2T)

BRAGANTINO: Cleiton; Aderlan, Fabrício Bruno, Natan e Edimar; Jadsom Silva, Eric Ramires e Cuello; Artur, Ytalo (Hurtado) e Helinho (Pedrinho).

Técnico: Maurício Barbieri.

ATHLETICO-PR: Santos; Marcinho, Pedro Henrique, Thiago Heleno, Zé Ivaldo e Abner; Erick, Léo Cittadini (Pedro Rocha) e Christian (Fernando Canesin); Nikão e Bissoli (Vinicius Mingotti).

Técnico: Alberto Valentim.