Futebol

Athletico reencontrará o Libertad nas oitavas de final da Copa Libertadores

Rivais na fase de grupos, equipes voltam a se enfrentar, agora no mata mata; partida de ida será na Arena da Baixada, com a volta no Estádio Defensores del Chaco

Guilherme
Guilherme Almeida
Athletico reencontrará o Libertad nas oitavas de final da Copa Libertadores
Taça da Copa Libertadores (Foto: Divulgação/Conmebol)

27 de maio de 2022 - 13:50 - Atualizado em 27 de maio de 2022 - 14:04

A Conmebol sorteou, na tarde desta sexta-feira (27), os confrontos das oitavas de final da Copa Libertadores. Com isso, o Athletico, representante paranaense na competição, conheceu seu adversário na luta pelo inédito título.

O sorteio realizado em Assunção, determinou que o Furacão irá reencontrar o Libertad-PAR, adversário da fase de grupos. O primeiro duelo será na Arena da Baixada, com o jogo decisivo sendo disputado no Estádio Defensores del Chaco.

As datas e horários dos confrontos serão divulgados posteriormente pela entidade, mas as partidas estão agendadas para as semanas de 29 de junho e 06 de julho. Quem passar deste duelo, encara o vencedor de Estudiantes-ARG e Fortaleza.

Além do Athletico, os outros times brasileiros que também estão classificados às oitavas de final da Copa Libertadores são: Palmeiras, Atlético-MG, Corinthians, Fortaleza e Flamengo (confira todos os confrontos no final da matéria).

Campanha

O Furacão chega no mata mata da Copa Libertadores após uma campanha oscilante na competição. Cabeça de chave do Grupo B, o Athletico começou empatando com o Caracas, na Venezuela. Depois, conquistou a primeira vitória diante do The Strongest, na Arena da Baixada, partida que marcou a estreia de Fábio Carille como técnico.

Na sequência, a primeira derrota na Copa Libertadores, diante do Libertad, fora de casa. O Athletico viveu seu pior momento no torneio na quarta rodada, quando foi goleado por 5 a 0 pelo The Strongest, na Bolívia, o que resultou em uma crise interna, com a demissão de Fábio Carille.

Felipão chegou e conseguiu ajudar o Athletico a se recuperar na competição, com duas vitórias em casa, diante de Libertad e Caracas, mas que foram insuficientes para o clube alcançar a liderança da chave.

Premiações

Por ter se classificado ao mata mata, o Athletico garantiu US$ 4,05 milhão. US$ 3 milhões pela fase de grupos, mais US$ 1.05 milhão pelas oitavas de final.

Caso chegue às quartas de final, o Furacão acumula mais US$ 1.5 milhão. Nas semifinais, a premiação é de US$ 2 milhões, enquanto o campeão da Copa Libertadores embolsa mais US$ 16 milhões, com o vice-campeão ficando com US$ 6 milhões. A premiação é a maior da história, podendo chegar a US$ 23 milhões (cerca de R$ 113 milhões).

Confira os confrontos (chaveamento definido até a final):

Libertad-PAR x Athletico
Estudantes-ARG x Fortaleza
Palmeiras x Cerro Portenho-PAR
Atlético-MG x Emelec-EQU
Boca Juniors x Corinthians 
Flamengo x Tolima-COL
Cólon-ARG x Talleres-ARG
River Plate x Vélez Sarsfield-ARG

*times da esquerda decidem em casa