Futebol

Na despedida da Série A, Athletico tentará quebrar tabu contra o Sport

Única vitória do Furacão contra o Leão da Ilha, no Recife, foi há 12 anos, também pela Série A

Guilherme
Guilherme Almeida
Na despedida da Série A, Athletico tentará quebrar tabu contra o Sport
No primeiro turno, equipes empataram em 0 a 0 (Foto: Anderson Stevens/Sport Recife)

8 de dezembro de 2021 - 16:29 - Atualizado em 8 de dezembro de 2021 - 16:29

Após garantir a permanência na Série A do Campeonato Brasileiro, o Athletico terá uma motivação extra para a última rodada da competição, contra o Sport, nesta quinta-feira (09), às 21h30, na Arena Pernambuco. O Furacão tentará quebrar um longo tabu sem vencer o Leão em Recife.

Até hoje, as equipes se enfrentaram 40 vezes na história, em partidas válidas pelas Séries A e B do Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil. A vantagem é do Leão da Ilha, que venceu 13 vezes, contra 12 triunfos do Furacão e outros 15 empates.

No entanto, jogando em Recife, a vantagem é toda do Sport, que venceu onze dos 20 jogos disputados, além de conquistado oito empates. O Athletico, por sua vez, só comemorou uma vitória em Pernambuco. E já faz tempo.

Em 2009

Na única vez que o Athletico derrotou o Sport dentro de seus domínios, o grande craque daquele time era o ex-meia Paulo Baier, ídolo de uma parte da torcida athleticana. O lateral-direito Márcio Azevedo, atualmente reserva do elenco, foi titular naquela partida.

Na ocasião, o triunfo foi pela sexta rodada da Série A de 2009. Na Ilha do Retiro, o Athletico levou a melhor, ao vencer por 1 a 0, gol marcado pelo zagueiro Rafael Santos, aos 29 minutos do segundo tempo.

Provável escalação

Para a despedida da Série A, o Athletico terá uma escalação alternativa, já que o objetivo principal é a final da Copa do Brasil, contra o Atlético-MG, nos próximos dias 12 e 15 de dezembro.

A tendência é de jogadores pouco utilizados e jovens das categorias de base entrem em campo. Os titulares e os reservas não viajaram ao Recife, assim como o técnico Alberto Valentim. Com isso, a equipe será comandada pelo técnico do time de aspirantes, James Freitas.

Foram relacionados 23 jogadores para o duelo, entre eles o atacante Guilherme Bissoli, que não poderá jogar contra o Galo por já ter defendido o Cruzeiro na atual edição da Copa do Brasil.

Uma provável escalação tem: Bento, Lucas Fasson, Luan Patrick e João Vialle; Khellven, Juninho, Jader, e Márcio Azevedo; Pedrinho, Jaderson e Vinicius Mingotti (Guilherme Bissoli).

Sport e Athletico se enfrentam nesta quinta-feira (09), às 21h30, na Arena Pernambuco, pela última rodada da Série A. Já rebaixado à Série B, o Leão da Ilha ocupa a penúltima colocação, com 37 pontos, enquanto o Furacão é o 14º colocado, com 46 pontos.