Futebol

Após vice da Libertadores, Flamengo anuncia saída de Renato Gaúcho

Clima estava insustentável, ainda mais depois da perda da Copa Libertadores. Ao todo, Renato Gaúcho comandou o Flamengo em 35 partidas, com 24 vitórias, oito empates e cinco derrotas

Gazeta
Gazeta Esportiva
Após vice da Libertadores, Flamengo anuncia saída de Renato Gaúcho
Treinador sai do clube pela porta dos fundos (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

29 de novembro de 2021 - 13:31 - Atualizado em 29 de novembro de 2021 - 16:15

Nesta segunda-feira, o Flamengo anunciou a saída de Renato Gaúcho do comando técnico da equipe. A decisão acontece após apenas dois dias de o Rubro-Negro ter perdido o título da Libertadores para o Palmeiras, em Montevidéu.

“O Clube de Regatas do Flamengo informa que, após conversa entre as partes, o técnico Renato Gaúcho não comanda mais o time principal”, escreveu o Flamengo nas redes sociais.

O Flamengo também informou que Maurício Souza comandará a equipe nas rodadas restantes do Brasileiro, contra Ceará, Sport, Santos e Atlético-GO.

“O Clube de Regatas do Flamengo informa que o técnico Maurício Souza comanda o time profissional até o encerramento do Campeonato Brasileiro”, escreveu o Rubro-Negro.

Renato estreou no clube carioca no dia 15 de julho deste ano para substituir Rogério Ceni, hoje no São Paulo. Os primeiros jogos foram animadores, com o time aplicando seguidas goleadas.

Porém, o desempenho caiu nos meses seguintes, além de jogadores importantes, como Arrascaeta e Pedro, sofrendo com lesões. A pressão aumentou após a eliminação na Copa do Brasil contra o Athletico-PR e tropeços no Brasileirão que impediram a equipe de se aproximar do líder Atlético-MG.

Mesmo classificado para a final da Libertadores, Renato já vinha sendo criticado pela torcida. A decisão contra o Palmeiras em Montevidéu acabou sendo o ponto final.

Ao todo, Renato Gaúcho comandou o Flamengo em 37 partidas, com 24 vitórias, oito empates e cinco derrotas.