Futebol

Adversários no Brasileiro, Inter e Fortaleza dão show de solidariedade fora de campo

Gazeta
Gazeta Esportiva

18 de setembro de 2021 - 16:36 - Atualizado em 18 de setembro de 2021 - 17:00

Internacional e Fortaleza irão se enfrentar, neste domingo, pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro, no Beira-Rio. Os colorados chegam para o confronto com seis jogos de invencibilidade. Já o Tricolor, quarto colocado no torneio, vem embalado pela classificação na Copa do Brasil diante do São Paulo. Além de irem bem dentro das quatro linhas, ambas equipes estão dando aula fora de campo.

No dia 11 de setembro, o clube gaúcho divulgou um vídeo, em suas redes, onde relatou o encontro do atacante Paolo Guerrero com o torcedor Henrique Maffei, vítima de um tumor cerebral. O colorado necessita realizar um tratamento que envolve comidas e remédios, e o Inter divulgou o site onde as pessoas podem ajudá-lo.

Além disso, consulados de torcedores do clube também praticam ações solidárias, caso do Grupo Gigante Colorado do Consulado, que arrecadou cestas básicas, roupas e cobertores para os mais necessitados, em julho, na cidade de Encantado-RS.

“O Internacional, enquanto Clube do Povo, preza pela atenção a todos os aspectos que envolvem a comunidade colorada. Historicamente, a torcida do Inter, por meio dos consulados, torcidas organizadas e grupos de torcedores, sempre demonstrou sua responsabilidade social através de diversas atividades assistenciais. Neste período de pandemia, isso se intensificou de uma forma ainda mais especial. Para o Inter, é um orgulho ver a solidariedade e empatia como marcas da imensa massa colorada espalhada por todo o Mundo”, disse Cauê Vieira, vice-presidente de Relacionamento Social do Colorado.

Já o Leão do Pici, em abril, realizou uma campanha para arrecadar fundos com a venda de camisas utilizadas pelos atletas em partida contra o Bahia, pela Copa do Nordeste, e utilizou o lucro para a compra de capacetes Elmo, equipamento de respiração assistida. Com o lucro, o clube conseguiu adquirir 17 capacetes, que foram doados para a Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa).

“Através dessa ação genuinamente cearense, pela criação do Elmo, a gente entendeu que poderia usar a nossa força do Marketing e a força do nosso torcedor para ajudar em nível de solidariedade. Conseguimos um valor que gerou doação, gerou capacetes e, certamente, fez a diferença na vida de muitas pessoas”, afirmou Marcelo Paz, presidente do clube.