Bragantino

Ytalo destaca crescimento do Bragantino e fala sobre importância da torcida

Gazeta
Gazeta Esportiva

5 de julho de 2021 - 19:49 - Atualizado em 5 de julho de 2021 - 20:00

Após ser eliminado nas quartas de final do Paulistão, o Red Bull Bragantino vem mostrando muita força no Campeonato Brasileiro. Passadas nove rodadas, o time paulista lidera o torneio e é o único clube que se mantém invicto, com seis vitórias e três empates.

Nesta segunda-feira, em entrevista exclusiva ao Gazeta Esportiva, da TV Gazeta, o atacante Ytalo destacou o crescimento do Massa Bruta e afirmou que o objetivo da equipe é brigar pelo título até o fim.

“A gente vem em uma crescente muito grande no campeonato. Espero que a gente continue assim e que a gente possa fazer um grande campeonato até o final, essa é a nossa intenção. Vamos nos preparar psicológica e fisicamente para brigar pelo título até o fim”, disse.

Artilheiro do Bragantino no Brasileirão, com quatro gols, o jogador de 33 anos também ressaltou o salto de qualidade que o time teve após se transformar em um clube-empresa e revelou que não esperava que a equipe fosse crescer tão rápido.

“O clube vem crescendo através da empresa Red Bull, é um negócio que está dando muito certo, não só investimento, mas em termos de jogo e preparação para os jogos. Hoje em dia, o único clube-empresa é o nosso e está dando muito certo. Vai fazer três anos que eu estou aqui no clube, desde o Red Bull Brasil. E vejo que é uma empresa muito séria. A gente vem trabalhando no dia a dia, se dedicando dentro e fora de campo. Não esperávamos ser um negócio tão rápido, mas espero que a gente continue nessa pegada para poder chegar no fim do campeonato brigando pelo título”, completou.

Por fim, Ytalo comentou sobre o fator torcida. Para ele, o fato de os estádios não estarem cheios durante o período de restrições contra a proliferação da covid-19 não faz tanta diferença para o Bragantino.

“Não sei se faz muita diferença. Sei que, tecnicamente, a torcida é muito importante para os times que jogam em casa, principalmente Corinthians, São Paulo, Flamengo, mas eu acho que como o nosso time encaixou muito bem, não ia fazer tanta diferença para o nosso lado. Acho que pelo time estar jogando em casa, os outros times acham que a diferença é grande, mas a gente não pensa nisso. A gente tem que saber que está passando por um momento difícil dessa pandemia e a gente tenta fazer o nosso trabalho da melhor forma possível”, finalizou.

No momento, o RB Bragantino lidera o Nacional, com 21 pontos, dois a mais que  vice-líder Athletico-PR. Nesta quarta-feira, a equipe do interior paulista recebe o Cuiabá, pela décima rodada da competição.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.