Atletismo

Wallace Santos bate recorde mundial e leva o ouro no arremesso de peso em Tóquio

Gazeta
Gazeta Esportiva

27 de agosto de 2021 - 09:49 - Atualizado em 27 de agosto de 2021 - 11:15

Nesta sexta-feira, Wallace Santos conquistou a medalha de ouro do levantamento de peso na classe F55, em que os atletas realizam os movimentos sentados, nos Jogos Paralímpicos de Tóquio. O brasileiro lançou para 12.63 metros e bateu o recorde mundial por 16 centímetros.

No primeiro arremesso da final, Wallace já mostrou o cartão de visitas, superando a marca de 12 metros. Porém, nos dois lançamentos seguintes, acabou não superando a marca.

No quarta arremesso, o brasileiro se recuperou com a marca de 12.33 metros, o que já lhe garantiria o recorde paralímpico. Em seguida, ficou apenas um centímetro atrás da anterior. Até que, no sexto lançamento, garantiu o recorde mundial e a medalha de ouro.

O búlgaro Ruzhdi Ruzhdi ficou com a prata e o polonês Lech Stolman com o bronze.

Após um acidente de trabalho em 2007, Wallace fraturou uma vértebra da coluna lombar e ficou paraplégico. Conheceu o esporte paralímpico em 2013, numa associação que tinha um projeto em conjunto com a polícia militar do Rio de Janeiro. Lá, ele viu Jonas Licurgo treinando. O atleta, 1º do mundo em 2017 no lançamento de dardo, emprestou sua cadeira para Wallace treinar. Sua atual treinadora presenciou a cena e o convidou para treinar frequentemente. Sua primeira convocação pela Seleção Brasileira foi em 2016, para os Jogos Paralímpicos do Rio.

Com esta vitória de Wallace, o Brasil chega  a 93ª medalha de ouro na história dos Jogos Paralímpicos.  Ainda são 116 de prata e 107 de bronze.