Bastidores

Volpi fala de favoritismo tricolor no Paulista e ansiedade pela Liberta: “Estamos satisfeitos”

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

26 de fevereiro de 2020 - 00:00 - Atualizado em 26 de fevereiro de 2020 - 00:00

Tiago Volpi crê que o São Paulo tem tudo para, enfim, quebrar o longo jejum de títulos que assombra o clube. O Tricolor parece, enfim, ter encontrado o que faltava para voltar ao caminho das vitórias e, dono da terceira melhor campanha geral da competição, vem criando expectativas nos torcedores.

“A gente vem trabalhando e estamos satisfeitos, mas é aquele satisfeito sempre querendo mais. A gente pode evoluir cada dia mais, cada dia tem algo para a gente buscar. É lógico que hoje, depois de uma vitória e conseguindo complementar, ganhar, jogar bem, é muito melhor. Sobre a questão do Paulistão, o São Paulo, por sua grandeza, sempre vai ser favorito em qualquer competição que entrar”, afirmou Volpi.

No último sábado, o São Paulo visitou o Oeste em Barueri e não tomou conhecimento do rival, goleando por 4 a 0. O triunfo foi importante para o time voltar a vencer após três rodadas, entretanto, a equipe rubro-negra não pode servir de parâmetro para o Tricolor, já que detém a segunda pior campanha da competição.

Contra a Ponte Preta, domingo, no Morumbi, o São Paulo terá um teste mais desafiador. A Macaca é a terceira colocada do Grupo A, com sete pontos, entretanto, já venceu o Corinthians na competição, provando que pode também surpreender outros grandes clubes do estado, ainda mais quando seu adversário tem de dividir seu foco entre o confronto válido pela oitava rodada do Paulistão e a estreia na Libertadores.

“Desde o ano passado a gente pensa nisso, na hora da estreia na Libertadores. Falta praticamente uma semana para o jogo contra o Binacional. Então, está todo mundo com muita vontade de começar a competição. A gente ainda tem o jogo no Paulistão, temos de nos concentrar ao máximo no que temos de fazer no domingo, mas, lógico, pensando que semana que vem teremos um grande compromisso”, comentou o goleiro são-paulino.

“Para muitos aqui dentro do São Paulo, com a camisa do São Paulo é a primeira Libertadores. Então, está todo mundo entusiasmado para disputar essa competição”, concluiu.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.