Campeonato Copa América

Tite exalta nível competitivo na América e lamenta impossibilidade de jogos contra europeus

Gazeta
Gazeta Esportiva

18 de junho de 2021 - 08:00 - Atualizado em 18 de junho de 2021 - 08:15

Nesta quinta-feira, a Seleção Brasileira goleou o Peru por 4 a 0, no Estádio Nilton Santos, em partida válida pela segunda rodada da Copa América. O time comandado por Tite vem de uma sequência de nove vitorias, e o técnico comentou na entrevista coletiva sobre o nível competitivo na América do Sul.

Tite garante que gostaria de enfrentar as principais potências do futebol, mas destaca as dificuldades relacionadas ao calendário. Além disso, o treinador exaltou a qualidade das seleções sul-americanas.

“Nós queríamos a seleção da Espanha, de Portugal, todas as europeias, se tivéssemos um calendário que nos proporcionasse outras situações. A gente fica pensando em uma situação imaginária. Imaginário é uma coisa, real é outra. A preparação é agora, da melhor maneira possível. O Peru fez grandes jogos na Copa do Mundo, foi à final da última Copa América”, afirmou Tite.

“O pessoal fica desvalorizando os nossos confrontos. Jogamos contra a Argentina de Messi, Lautaro, Aguero e companhia, a Colômbia de Sánchez, Mina, Cuadrado, o Uruguai com Suárez, com Cavani, com Godin. Nós gostaríamos de ter um calendário para jogar contra as equipes europeias, mas…”, completou.

Com a vitória, o Brasil foi aos seis pontos, na liderança isolada do grupo B da Copa América. O time só volta a campo na quarta-feira da semana que vem, contra a Colômbia, no Nilton Santos, às 21h.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.