Bastidores

Suspenso, F. Melo reprova cartão e fala em “passaporte para bater”

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

29 de fevereiro de 2020 - 00:00 - Atualizado em 29 de fevereiro de 2020 - 00:00

O volante Felipe Melo foi um dos protagonistas do clássico entre Santos e Palmeiras, disputado na tarde deste sábado, pelo Campeonato Paulista. Advertido com seu terceiro cartão amarelo durante o empate no Estádio do Pacaembu, o jogador reprovou a medida do árbitro.

Ainda na etapa inicial, Felipe Melo acertou a bola primeiro, mas depois atingiu o tornozelo direito de Yuri Alberto e acabou advertido por Flavio Rodrigues de Souza. Em seguida, por reclamação, o técnico Vanderlei Luxemburgo também recebeu o cartão amarelo.

“O árbitro é passível de erro. Não estou aqui para criticar ninguém, mas ele me minou com um cartão amarelo que não existe. Vou ver se arrumo um passaporte para bater, porque tem certos jogadores que estão dando voadora e tomando cartãozinho amarelo. Estão fazendo vista grossa”, disse o suspenso Felipe Melo ao Premiere.

Apesar do cartão amarelo no primeiro tempo, contestado também pelo técnico Vanderlei Luxemburgo, o veterano foi um dos melhores do Palmeiras no clássico. O novo zagueiro, portanto, tratou de valorizar a atuação de seu time e destacou a eficiência da defesa.

“Agradeço muito a Deus por ter nos capacitado, sobretudo nessa nova posição. Jogar diante de uma grande equipe como o Santos, que há pouco estava encantando e vai voltar a encantar, porque é um elenco de grandes jogadores, e não tomar gol é muito importante para nós, defensores”, afirmou.

Com 17 pontos, dois a menos que o Santo André, o Palmeiras permanece na vice-liderança do Grupo B do Campeonato Paulista. Às 19h15 (de Brasília) desta quarta-feira, em sua estreia no Grupo B da Copa Libertadores, o time defendido por Felipe Melo enfrenta o Tigre, na Argentina.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.