Surf

Três atletas representam a nova geração do surf feminino no Paraná

Gabriely Vasque, Luara Mandelli e Clara Chaves são amigas dentro e fora d’água e carregam grandes conquistas para o estado

Jéssica
Jéssica Dombrowski Netto Dropando
Três atletas representam a nova geração do surf feminino no Paraná
Clarinha, Gabi e Luara treinam sempre no Pico de Matinhos. Fotos: Vitor Ritcher e Alexandre Carnieri.

16 de setembro de 2020 - 12:01 - Atualizado em 16 de setembro de 2020 - 12:01

O surf no Paraná vem ficando cada vez mais forte desde que a molecadinha começou a pegar onda. Filhos de nomes conhecidos nos picos vivem o lifestyle dos pais e trazem vitórias na bagagem. Com as meninas não seria diferente, com três representantes do surf feminino de Matinhos que de pouco só têm a idade: Luara Mandelli e Clara Chaves com 12 e Gabriely Vasque com 13 anos.

Luara foi campeã da primeira etapa do Circuito CBS na categoria Sub14. Foto: Fabriciano Junior.

Conquistas

De 2016 pra cá, Clara possui uma lista de pódios. Ela foi Campeã Sub12 do Projeto Água Viva e de uma das etapas do Paranaense da 30 pés. Ela já competiu na Guarda do Embaú, São Chico, Ilha do Mel, Guaratuba, Ubatuba e Matinhos.

A Gabriely é Tricampeã Paranaense e seus títulos principais começaram em 2017 quando venceu o PR Sub12 e o Brasileiro Sub10. Em 2018, ela foi Campeã do Circuito Surf Talentos Sub12 e Campeã do Mormaii Surf Futuro Sub12. No ano passado venceu novamente o Brasileiro e o Paranaense Sub12 e foi Campeã do Circuito ADS Sub12.

A Luara foi Campeã Brasileira Sub10 em 2018 e é a atual Campeã Paranaense Open. No começo do ano fez história na abertura do Circuito CBSurf Junior Tour 2020 ao vencer na estreia da categoria Sub14 e trazer mais um troféu para o Paraná.

Campeonatos Virtuais

As competições tiveram que ser adaptadas e as meninas continuaram no topo. Luara venceu o Campeonato Online SuperSurf na Sub12 e o Surf Talentos Sub 12. Já Gabi foi Vice-campeã Sub 16 do SuperSurf.

Gabriely Vasque esbanja simpatia entre uma sessão e outra. Foto: Arquivo Pessoal.

Pandemia

Algo que as atletas têm em comum é como conseguem enxergar o lado bom da pandemia do Covid-19. Elas surfam quando não há aglomeração e passam o resto do dia em casa treinando, estudando virtualmente e passando tempo com a família.

“Está sendo meio difícil, pois não posso ver alguns dos meus amigos, ir para a escola, fazer meus treinamentos funcionais, mas com isso estou aprendendo a dar valor a algumas coisas do tipo dividir o que temos com quem não tem nada”

Disse Gabi Vasque.
Clara Chaves está sempre treinando com o seu pai e coach no Pico de Matinhos. Foto: Arquivo Pessoal.

Objetivos

As três surfistas buscam mais patrocínios para conseguir treinar melhor e conquistar novos títulos. A Clarinha tem o sonho de ganhar o Brasileiro, a Gabi um futuro Pro Júnior e a Luara quer vencer a categoria Sub14 do Brasileiro da CBS.

O Paraná é bem representado pelas amigas Luara e Gabi. Foto: FPS.

Viagens

A Clarinha ainda não fez nenhuma viagem internacional, mas se divertiu quando foi competir em Itamambuca/SP, no Campeonato Brasileiro de Surf. Seu pai, Diego Chaves, é seu treinador, o que facilita as trips.

A Gabriely surfou nas ondas da Califónia com o lendário Juca Barros, que proporcionou toda a experiência.

Para a Luara a trip mais marcante foi para o Perú, onde ficou uma semana surfando em Lobitos e Máncora com sua família que respira surf.

Luara treina em casa todo os dias. Foto: Arquivo Pessoal.

Além do surf

Quando Luara não está surfando, ela gosta de andar de skate, fazer vídeos no vine, desenhar, cantar e dançar. Já a Clara gosta de escrever, pintar, desenhar e assistir séries. A Gabriely também anda de skate e ganhou uma pista dos pais para treinar nos dias sem onda.

Clarinha Chaves em casa. Foto: Vitor Richter

Patrocínios

Gabriely ainda não tem patrocínios, mas seus apoiadores são Matheus Camargo, Le Fins, Banana Wax, Brazinco, Restaurante Kremill, Laboratório Labomar, Academia Espaço Esporte, Estúdio Mar e Pizzaria da Bisa.

Luara possui patrocínios e apoios das marcas Mormaii, Ebanx, Momentum Surf Brasil, Expans, Brazinco, Potenzza, Full Wax, Arenque, Teccel, Vereador Dan, Power Surf e Aprimore Surf.

Clara tem o apoio das marcas Canfield, Soul d’água e Power Surf.

Gabriely Vasque e Wiggoly Dantas no Circuito Brasileiro de Surf Feminino. Foto: Arquivo Pessoal.

LEGADO

A paranaense Andressa Carvalho também é motivo de orgulho para o estado. Ela possui várias conquistas dentro e fora do Brasil e serve de exemplo para a nova geração. Ela é Pentacampeã Paranaense, Campeã Catarinense Oceano Surf Talentos 2018 e Campeã do Porto Nave Surf Pro 2019 Brasileiro, além de conquistar o quinto lugar no Alas Latin Tour 2018 e a quarta colocação do Nacional El Salvador 2019.

Andressa na Praia Brava de Matinhos. Foto: Juca Barros

Acompanhe o surf feminino seguindo as atletas nas redes sociais:

Túnel do Tempo

Gabriely e Luara já participaram da sessão de entrevistas do Dropando. Confira os vídeos:

Confira mais fotos das atletas: