Esportes

São Paulo tenta superar Grêmio na Copa do Brasil após “jogo ruim” pelo Brasileiro

Gazeta
Gazeta Esportiva

23 de dezembro de 2020 - 08:00 - Atualizado em 24 de dezembro de 2020 - 00:00

Nesta quarta-feira, às 21h30, em Porto Alegre, o São Paulo tem seu primeiro compromisso contra o Grêmio pela semifinal da Copa do Brasil. O Tricolor vem embalado pelos bons resultados no Brasileiro, mas se tomar como base o duelo contra os gaúchos na competição de pontos corridos, não deve ter tarefa fácil em Porto Alegre.

No jogo disputado pela 17ª rodada, em outubro, no Morumbi, o Grêmio foi um dos adversários que mais ofereceu dificuldades para o time de Fernando Diniz na campanha do Brasileiro. Em coletiva após aquela partida, o próprio treinador admitiu que não gostou da atuação de sua equipe.

“Achei um jogo ruim. Fizemos uns 20 ou 25 primeiros minutos bons. Depois andamos para trás. O Grêmio cresceu um pouco no jogo. No segundo tempo não conseguimos jogar. Tivemos muitos erros de passe. O jogo foi travado, muitas faltas. Juiz não acelerou o jogo. Foi um jogo difícil de se assistir, principalmente no segundo tempo”, disse Diniz.

Os números comprovam a dificuldade que o São Paulo teve para incomodar o sistema defensivo do Grêmio. Acostumado a criar diversas chances e incomodar os goleiros adversários, o Tricolor Paulista teve apenas sete finalizações naquele jogo, segundo o Sofascore, e apenas uma delas foi na direção do gol. Mesmo com apenas 38% de posse de bola ao final do jogo, os gaúchos tiveram 11 chutes, mas só dois no alvo.

O jogo amarrado também foi refletido no alto número de faltas. No total, foram 39 infrações no decorrer da partida, com 24 do São Paulo e 15 do Grêmio. Igor Gomes, Daniel Alves, Luan e Vitor Bueno foram amarelados pelo lado são-paulino, além de Geromel e Kannemann pelos gremistas.

A atuação da arbitragem também foi tema central na partida. O Grêmio reclamou de dois possíveis pênaltis não marcados, além de dois lances que poderiam ter gerado expulsões de atletas do São Paulo. A diretoria gremista chegou a solicitar a anulação da partida, mas o STJD indeferiu o pedido.

Mais de dois meses depois, as equipes se reencontram em outra competição e em contexto diferente. Na escalação, a única mudança no São Paulo desde então foi a entrada de Arboleda na vaga de Diego Costa. Já o Grêmio perdeu Orejuela e Maicon por lesão neste período. Por outro lado, Renato Gaúcho tem Jean Pyerre e Ferreirinha em fase melhor no setor ofensivo, além de Diego Souza e Churín como opções no comando do ataque, que sequer estiveram à disposição no duelo anterior.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.