Esportes

São Paulo aposta em isolamento em Cotia para ajudar a poeira abaixar

Gazeta
Gazeta Esportiva

2 de agosto de 2020 - 09:00 - Atualizado em 2 de agosto de 2020 - 09:30

Depois de cair no Campeonato Paulista para o Mirassol, o São Paulo repensou o planejamento para o período de treinos antes do início do Brasileirão e anunciou que permanecerá concentrado no CFA de Cotia com foco no primeiro compromisso na competição nacional. No entanto, a decisão do Tricolor não está relacionada apenas à questão esportiva.

A diretoria e comissão técnica do São Paulo entendem que a estadia no complexo das categorias de base afasta os jogadores de possíveis distrações. Como estarão 24 horas por dia no local, os atletas terão foco integral na preparação para o Campeonato Brasileiro e nos ajustes táticos, corrigindo erros apresentados nos últimos jogos.

A cobrança da direção do São Paulo foi grande após a derrota para o Mirassol e já é possível observar que os jogadores entenderam que o momento é de poucas palavras e muito trabalho. No vídeo do treinamento deste sábado divulgado pelo clube, é possível perceber o clima de seriedade e poucas risadas nas atividades.

Vale destacar também que a estadia em Cotia também facilita o controle do São Paulo sobre o isolamento social dos atletas. Afinal, todos os jogadores permanecem acomodados no hotel localizado no complexo, com um vasto espaço que não poderia ser oferecido na capital.

Essa é a terceira vez que o São Paulo utiliza o CFA de Cotia para treinar e concentrar desde o reinício das atividades futebolísticas. O Tricolor fará sua estreia no Campeonato Brasileiro no dia 9 de agosto (domingo), contra o Goiás, às 16h, fora de casa.