Água Santa

São Bernardo bate o Água Santa nos pênaltis e conquista a Série A2 do Paulistão

Gazeta
Gazeta Esportiva

31 de maio de 2021 - 19:51 - Atualizado em 31 de maio de 2021 - 20:00

O São Bernardo se consagrou campeão da Série A2 do Campeonato Paulista pela segunda vez na história. Nesta segunda-feira, após um empate de 2 a 2 no tempo normal, o Bernô derrotou o Água Santa por 4 a 3 nos pênaltis, fora de casa, e levantou a taça. Na ida, houve um empate de 0 a 0.

Apesar de ser detentor do mando de campo, o Netuno teve que levar o jogo para o Canindé, pois a Arena Inamar, em Diadema, não tem condições de receber o árbitro de vídeo.

O primeiro tempo começou bem agitado. Com o relógio marcando seis minutos, os anfitriões até saíram na frente, com um belo gol de Bambam, mas o tento foi anulado. Isso porque a árbitra Edina Alves Batista, após consultar o VAR, flagrou um pênalti do goleiro Oliveira na origem da jogada. Na cobrança, Léo Castro estufou as redes e colocou os visitantes na frente. Já aos 45, a vantagem aumentou. Lucas Ferron recebeu grande assistência de Gionnotti e finalizou cruzado para ampliar.

Na volta do intervalo, o Água Santa partiu para cima para tentar recuperar o prejuízo. E a estratégia deu certo. Com 21 minutos, Dadá Belmonte cobrou falta da entrada da área com categoria e descontou. Aos 38, Lelê foi derrubado na área, e a árbitra sinalizou penalidade máxima, convertida por Dadá Belmonte.

Dessa forma, a decisão foi para a disputa de pênaltis, onde quem se deu melhor foi o São Bernardo. Rafael Costa, Lucas Ferron, Eduardo Diniz e Tiago Luiz  marcaram para os visitantes, enquanto Patrick desperdiçou. Do outro lado, Carlos Alberto, Bambam e Dadá Belmonte até fizeram, mas Giovani Pavani e Dieyson erraram e deram o título ao Bernô.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.