Esportes

Santos paga Atlético Nacional e aguarda Libertadores para acordo com o Huachipato

Gazeta
Gazeta Esportiva

25 de janeiro de 2021 - 13:50 - Atualizado em 25 de janeiro de 2021 - 23:45

O Santos fez um acordo e já pagou a principal parte da dívida com o Atlético Nacional (COL). O débito era de cerca de R$ 4 milhões por parcelas atrasadas da contração do zagueiro Felipe Aguilar em janeiro de 2019. O processo deve ser encerrado na Fifa nos próximos dias.

“Atlético Nacional está resolvido, fizemos até o pagamento principal. Logo logo eles vão liberar o transfer ban”, disse Andres Rueda, em entrevista à Gazeta Esportiva nesta segunda-feira.

A última pendência para o Peixe poder voltar a registrar contratos é o Huachipato (CHI). O combinado com o clube e também com os representantes de Soteldo é esperar pela final da Libertadores da América contra o Palmeiras e o possível Mundial.

“Problema não é o clube, clube aceitou. Mas ele está desconfortável em voltar. Vamos aguardar o final da Libertadores e o possível Mundial. Esse é o foco. Depois conversaremos e veremos a melhor solução para todos”, afirmou Rueda.

No acordo anterior, o Santos “devolveria” 50% dos direitos econômicos ao Huachipato. O Peixe do ex-presidente José Carlos Peres combinou de pagar 3,55 milhões de dólares (R$ 20 milhões) em 2019 e não transferiu um real sequer. Soteldo ficaria na Vila Belmiro até os chilenos negociarem o meia-atacante.

Com o “sim” santista, o Huachipato retiraria da Fifa uma cobrança de 7,2 milhões de dólares (R$ 40 mi) diante do calote do clube brasileiro. A equipe ainda pagaria 200 mil dólares (R$ 1,1 milhão) diretamente ao camisa 10 para quitar dívidas em luvas, premiação e direitos de imagem.

Por fim, o Santos ficaria com 10% do valor que exceder uma venda de Soteldo pelo Huachipato por no mínimo 8 milhões de dólares (R$ 45 mi). Essas condições foram aprovadas pelo Conselho Deliberativo em outubro.

O Santos está impossibilitado de contratar desde março de 2020. O Peixe teve poucos dias entre uma janela e outra para registrar atletas, período em que inscreveu Láercio em outubro.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.