Bastidores

Santos negocia acordo para pagar imagens atrasadas

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

22 de maio de 2020 - 00:00 - Atualizado em 22 de maio de 2020 - 00:00

O Santos negocia acordos para pagar direitos de imagem atrasados. As conversas estão em andamento para parcelar os valores das notas de fevereiro e março.

O mês de abril não está incluído nas tratativas pois há a pendência da redução salarial. O Peixe pagou 30% sem ter feito acordo com o elenco para “rodar a folha” e não descarta um acerto nas próximas semanas.

Alguns jogadores aceitaram o acordo proposto pelo Alvinegro, outros ainda negociam e alguns não puderam ser contatados diretamente ou via empresário até o momento da publicação desta matéria.

O Santos propõe acordo igual para todos, até para facilitar na aceitação. A ideia do Peixe é zerar as imagens e reembolsar pelo menos metade do corte salarial (35%) no segundo semestre, com a venda de atleta(s).

Menos da metade do elenco alvinegro recebe em imagem e esse valor pode corresponder a, no máximo, 40% do total dos vencimentos. A remuneração é de 10, 20, 30 ou 40% e o pagamento é mensal, bimestral ou trimestral. Em geral, a dívida é referente a três meses. Jogadores como Carlos Sánchez, Eduardo Sasha e Marinho ganham também dessa forma.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.