Bastidores

Rodrygo diz que a Copa do Mundo já começou e comenta chance na Seleção

Gazeta
Gazeta Esportiva
Rodrygo diz que a Copa do Mundo já começou e comenta chance na Seleção

11 de outubro de 2020 - 14:50 - Atualizado em 11 de outubro de 2020 - 15:00

Reforçando o discurso do capitão Casemiro, o atacante Rodrygo falou em entrevista coletiva que a Copa do Mundo já começou. O jogador do Real Madrid disse que a Seleção está completamente focada nas Eliminatórias para garantir sua participação no Catar em 2022.

“É como o Casemiro falou. A Copa do Mundo já começou e a gente está 100% focado nas Eliminatórias para conseguir a nossa vaga da melhor maneira possível. E vamos continuar sempre assim”. 

Foto: Reprodução

Embora já tenha muita experiência nas seleções de base, o atleta fez sua estreia oficial pelo Brasil no último jogo, com a goleada contra a Bolívia. O jovem comentou a emoção de vestir a amarelinha e sobre o estilo ofensivo da seleção, sempre buscando muitos gols e um bom desempenho dentro de campo.

“Me sinto feliz, honrado e realizado. Já tinha jogado dois amistosos e agora o primeiro jogo oficial. Acho que é o sonho de todo menino brasileiro, e eu sempre tive. E poder realizar esse sonho, não tem sensação melhor”, comentou. “Esse é o DNA brasileiro. Ir para cima, procurar o gol em todos os momentos e em todos os jogos. Mas claro, tem jogos que são mais difíceis e vão exigir outras estratégias para poder vencer. Mas a gente tem que continuar nesse caminho, tentar fazer muitos gols e buscar jogar bem, porque aí vamos estar mais próximos da vitória”, completou. 

Ver essa foto no Instagram

Primeiro treino! 🙌🏾⚽️🇧🇷 @cbf_futebol 📸: @lucasfigfoto

Uma publicação compartilhada por Rodrygo Goes – RG 🇧🇷✊🏿 (@rodrygogoes) em

Ainda sobre o estilo de jogo da Seleção, Rodrygo reconheceu que apenas a posse de bola não é suficiente. É necessário que o time crie boas jogadas e concretize as chances em gol. Além disso, acredita que sua boa finalização pode ser um diferencial para estar entre os onze que iniciam a partida.

“É como o Tite falou. Não adianta a gente estar com a bola o tempo todo se não chutar e não fizer os gols. Acho que toda essa posse de bola tem que ser transformada em chances criadas para fazer o gol e matar quando for preciso. E eu ter uma boa finalização me dá boas possibilidades dentro do jogo”.