Esportes

Ritmo x cansaço: Santos deve ter equipe mista contra o Novorizontino

Gazeta
Gazeta Esportiva

25 de julho de 2020 - 06:00 - Atualizado em 25 de julho de 2020 - 06:15

O Santos deve ter uma equipe mista contra o Novorizontino no domingo, às 16h (de Brasília), na Arena Corinthians, pela última rodada da primeira fase do Campeonato Paulista.

O técnico Jesualdo Ferreira ainda não definiu o time, mas ele e os auxiliares buscam aliar o ritmo de jogo com a preparação física dos atletas, além da confiança para as decisões.

A ideia é fazer algumas alterações, sem mudanças drásticas. Um desfalque certo é Carlos Sánchez, expulso contra o Santo André. Jean Mota e Anderson Ceará são as opções.

Alison, recuperado de lesão no joelho, pode ficar no banco de reservas para evitar desgaste. Jobson, desfalque por suspensão, deve ser titular.

A expectativa de Jesualdo é por uma partida mais solta. O Peixe está classificado e com a liderança do grupo garantida. O Novorizontino não tem mais chance de avançar e nem de ser rebaixado.

Os ajustes serão feitos neste sábado, no CT Rei Pelé. Uma possível equipe é: Vladimir, Pará (Madson), Lucas Veríssimo, Luan Peres e Felipe Jonatan; Jobson (Alison), Diego Pituca e Jean Mota (Anderson Ceará); Marinho, Soteldo (Arthur Gomes) e Kaio Jorge.